Não vai dar tempo de conhecer o mundo inteiro
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Não vai dar tempo de conhecer o mundo inteiro

amandanoventa

27 Abril 2017 | 08h35

Desde que me tornei uma viajante profissional, a coisa piorou. Não dá pra fazer uma viagem sem pensar na próxima. Você sabe como é… A coisa começa assim: você viaja pra longe pela primeira vez, tudo se sai muito bem, descobre que existem lugares maravilhosos, lugares que nem imaginava. Descobre que o tal mundo que dizem por aí existe mesmo. E aí, pronto, já volta com uma lista de outros lugares que precisa conhecer.

Só que um dia você está lá na mesa do trabalho pensando nas férias, começa a fazer contas, pensar se vai dar ou não e, por fim, tem um ataque de ansiedade ao perceber que não vai conseguir conhecer o mundo inteiro. Pânico, terror e aflição.

Vamos colocar a culpa nas redes sociais. Quando elas não existiam, eu lembro, nós nem sabíamos que metade do mundo também existia. Hoje a timeline do facebook não para de apontar quais são os lugares que precisamos colocar na bucket list. Nós já sabemos, obrigada, mas é que não vai dar tempo mesmo.


Dá pra fazer igual aquela mulher que conheceu todos os países do mundo – alguns ela nem saiu do aeroporto. Mas que graça tem? Assim como os ansiosos que viajam por dez países em vinte dias só para carimbar o passaporte. Não é isso que satisfaz a minha alma.

Dá pra tirar um ano sabático só para viajar pelo mundo. Mas eu duvido que nesse tempo você consiga ver tudo tudinho e, pior, duvido que isso faça você sossegar pro resto da vida. Muito pelo contrário.

Eu criei uma maneira de controlar esse momento de pânico. Quando bate o desespero eu logo me pergunto: “se eu morresse hoje, estaria feliz com tudo o que eu já conheço?”. A minha resposta acaba sendo sempre ‘sim’ e logo a ansiedade passa. Agora faça esse exercício você. Se a resposta for ‘sim’, acredite, tudo vai ficar bem. Se a resposta for ‘não’, pode continuar fazendo as suas contas, economizando e planejando – não há maneira mais realista para conhecer o mundo. E ele te espera.

Amanda escreve sobre viagens. Acompanhe suas aventuras no instagram @amandanoventa e pelo Facebook em Amanda Viaja.

 

Posts relacionados:

A terapia da viagem

Não sei se viajo ou se compro uma bicicleta

6 lições para entender que você não precisa ser rico para viajar