Málaga: o novo polo cultural da Espanha
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Málaga: o novo polo cultural da Espanha

amandanoventa

07 Novembro 2016 | 10h01

Quando me contaram que Málaga é o novo polo cultural da Espanha fiquei desconfiada. “Mas Málaga? Um balneário onde europeus costumam tirar suas férias é o polo cultural do país?”. Ingenuidade minha já que nunca tinha ido à cidade.


malaga-espanha-amanda-viaja

A cidade vem passando por um grande desenvolvimento cultural, com 36 museus no total e recebendo muitos estudantes de outros países interessados em aprender o espanhol.

Málaga conseguiu se completar misturando seu centro histórico repleto de ruelas e museus junto à praia com seus turistas e cruzeiros e, por fim, junto à arte contemporânea com um museu Pompidou bem de frente para o mar.

malaga-espanha-amanda-viaja

Museu Pompidou

A praia não impressiona brasileiros, mas funciona bem para um passeio no fim de tarde. Durante o dia, a melhor ideia é aproveitar para visitar museus e pontos históricos importantes. Málaga é a cidade onde Pablo Picasso nasceu (e Antonio Banderas também), portanto você pode fazer uma visita à casa do pintor e até tirar uma foto com a sua estátua sentada na praça no maior estilo Drummond espanhol. Para completar o circuito do pintor, visite também o Museu Picasso.

malaga-espanha-amanda-viaja

Museu Picasso

Há outros museus importantes como o museu Russo, extensão da sede do museu que fica em San Petersburgo com a maior coleção de arte russa do mundo; o museu Carmen Thyssen com parte da coleção da baronesa que dá o nome ao museu e o Pompidou com obras de arte que incluem Frida Kahlo, Miró, Picasso e artistas modernos e contemporâneos.

Uma das atrações principais de Málaga é a bela muralha construída pelos muçulmanos antes da independência da Espanha. A cidade fica no Mediterrâneo, lembra? Quase dá para ver Marrocos do outro lado.

malaga-espanha-amanda-viaja

malaga-espanha-amanda-viaja

 

Aliás, é nesse clima que Málaga oferece a oportunidade de fazer um banho turco no Hammam al Andalus. Minha sugestão é deixar para fazer no fim do dia, depois de caminhar pela cidade. A casa oferece diferentes banhos relaxantes com massagens para todos os gostos e bolsos.

malaga-espanha-amanda-viaja

Onde comer: O restaurante Eboka oferece delicioso menu degustação no centro histórico, com grande variedade de cervejas e vinhos.

Como chegar: A Ibéria oferece voos diários de São Paulo a Madrid a partir de R$2000. Em Madrid a maneira mais fácil de chegar a Málaga é pegando um trem AVE da Renfe a partir de 40 euros.

 

Amanda viajou à Malaga a convite do Visit Spain. Acompanhe o blog através do Instagram em @amandanoventa e pelo Facebook em Amanda Viaja.