O vício de viagem
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

O vício de viagem

amandanoventa

03 Abril 2017 | 07h42

amanda viaja

São cinco da manhã e batem na porta do meu lodge na África do Sul. É o ranger me acordando para o safari que começa às cinco e meia. O de ontem à noite foi, perdoe-me o trocadilho, animal. Parecíamos perdidos no meio da savana. O ranger trocava mensagens com os outros no rádio, lançamos a lanterna para o céu para que nos localizassem… Ok, todos localizados, seguimos savana adentro até encontrarmos uma família de sete leões que havia acabado de matar um impala e agora o devoravam ali, na nossa frente. Lua cheia, chuva, câmera coberta para capturar tudo e no dia seguinte me levanto rápido com medo de perder um repeteco.

O ônibus não para de subir um morro de Medellín na Colômbia. Chegamos finalmente ao alto de uma montanha de onde saem os parapentes. Eu só fui para tirar foto – tenho pavor de altura, passo mal, nem de avião eu gosto. Não sei porque estou preenchendo uma ficha com o meu nome. Eu só vim para tirar as fotos. Não sei porque estou colocando o capacete. Eu só vim para tirar foto. Caramba, estou voando de verdade. É só não olhar pra baixo que está tudo certo. Olha que demais essa vista de Medellín.

No Havaí marcamos para às quatro nosso mergulho com tubarões. Vamos sem informações, sem ler muito sobre o assunto, mas disseram que é legal e então ficamos curiosas. O barco para em alto mar e tudo está em paz quando vejo uma barbatana, duas, três. Eles chegaram. Snorkel na cabeça e pulamos numa jaula que não para de chacoalhar. Cabeça para dentro d’água, eu olho para os tubarões e eles olham para mim.


Já tentaram explicar porque as pessoas viciam em viajar. Deram uma explicação científica sobre genes, antepassados nômades e tal. Uma grande bobagem. O vício da viagem acontece quando o leão percebe a sua presença, o parapente pousa no solo, o tubarão olha nos seus olhos e então uma uma voz sopra no seu ouvido dizendo: que-ro-mais…

Amanda escreve sobre viagens. Acompanhe suas aventuras no Instagram @amandanoventa e pelo Facebook em Amanda Viaja.

 

Posts relacionados:

A vontade de viajar

A terapia da viagem

Quando vendi tudo e fui para o Hawaii