Tróia. Um segredo já não tão bem escondido

Margarida Vaqueiro Lopes

30 Setembro 2015 | 09h16

Por aqui, entre campanha eleitoral e o regresso às aulas, ainda é verão. Já não é aquele verão de 35 graus, dias até às 21h30 e noites de calor – na verdade, esse ano houve muitas poucas noites de calor – mas a verdade é que o verão ainda nos permite sair de regata, saia curta ou então um vestido leve e bater perna por Lisboa inteira. E mais. Aproveitar a costa portuguesa e dar uns mergulhos incríveis na praia. Isso. Em Setembro – eu sei que para vocês é Primavera mas aqui é suposto estar começando o Outono, né? E Outono de hesmisfério norte 🙂 – a gente ainda pode ir na praia e pegar um tonzinho mais bronzeado.

Outro dia fiz um programa que há um tempo não fazia, e que se revelou ser a aposta certeira, novamente, para o final do verão: uma hora e pouco de carro e chegava em Tróia, o melhor lugar para não estar longe de Lisboa – mas também não suficientemente perto -, com o calor do Alentejo, a comida do Alentejo e a vista de Setúbal. Num dos últimos finais de semana de Setembro foi possível pegar o melhor final de semana do Verão. A temperatura rondou os 30 graus, não havia uma brisa e a água do mar estava super chamativa. Na praia, já praticamente deserta, dava para escutar a água – ainda que em Tróia na verdade seja banhada, também, pelo estuário do rio Sado, o que lhe dá águas bastante calmas na maior parte das praias.

IMG_8649.JPG

©Sambando em Lisboa


Tróia é somente isso: um cassino, praias, hotéis e restaurantes. Turismo puro durante os meses de Verão, mas um sossego absoluto no início ou no final da estação, o que é uma mais-valia. Do lado tem a famosa Comporta – um lugar que se tornou super badalado depois de todos os VIP nacionais irem passar férias lá, e cujo mar realmente vale a pena. Mas a gente tem tanta praia que bom mesmo é procurar uma que não tenha montanhas de gente. Como a Comporta.

Adiante. Depois de pegar uma praia você pode escolher um dos vários restaurantes legais que tem por ali para jantar. Se bem que o ideal é fazer reserva antes – tudo é concorrido mesmo que não esteja abarrotando. Delicie-se com o peixe, o marisco, o arroz bem preparado, a cozinha tradicional portuguesa que mistura os sabores alentejanos tão fortes e a suavidade dos odores do mar, e acompanhe com um bom vinho branco. Fresco – que é como a gente diz ‘gelado’, por aqui.

Depois é fazer a digestão no cassino, jogando roleta, pequeno e grande ou qualquer uma das slot machines que existem. [Aqui em Portugal os cassinos são legais, e para além desse, em Tróia, há dois super conhecidos e que pode visitar facilmente se vier a Lisboa: o cassino de Lisboa, no Parque das Nações (linha vermelha do metrô, estação do Oriente) ou o cassino Estoril (nesse tem que chegar de carro, mesmo]. Quem sabe não ganha uma pequena fortuna por lá? Eu, por exemplo, assisti um cara apostando – e perdendo feio – somente fichas de 500 e 1.000 euros. Eu o vi perder quase 10.000 euros. Vai entender…

 

IMG_8648.JPG

©Sambando em Lisboa

Tróia é um segredo que tem sido bem preservado por Portugal, mas que já atrai centenas de turistas à medida que os anos vão passando. Bons hotéis, boas praias, boas piscinas e boa comida são o chamariz que todo o turista adora, né? Para os portugueses, Tróia ainda está mais barata que o Algarve mas já tem um clima bem mais quentinho, então está valendo como destino de eleição. Anote na sua agenda para sua próxima vizinha aqui no pequeno retângulo de Camões. A única questão é que implica alugar um carro, mas nem é tão caro assim – eu sei que o câmbio não está facilitando mas vamos acreditar que no próximo Verão tudo estará bem melhor!

E é isso, gente. Decidi fechar o Verão, por cá, com esse texto, para ver se espanto aquela chegada inevitável do frio que há-de estar espreitando por aí, já. Mas me digam: essas imagens não abrem o apetite? [e fazem esquecer um pouco as eleições que esse Domingo decidirão os destinos do país].

 

IMG_8728.JPG

A ponte 25 de Abril e Lisboa vistas do ar.
(©Sambando em Lisboa)

 

 

 

Mais conteúdo sobre:

LisboaPortugalSetúbalTróiaVerão