Arizona: Heranças mexicana e indígena mandam lembranças à mesa
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Arizona: Heranças mexicana e indígena mandam lembranças à mesa

Fabio Vendrame

13 Maio 2014 | 03h40

Navajo taco, opção popular nos restaurantes de Winslow – Foto: Ricardo Chapola/Estadão

WINSLOW

Não que faltem na mesa do Arizona todos os exemplares de fast-food e as bombas de gordura trans que fazem dos Estados Unidos os Estados Unidos. Mas, além do México, as marcas da cultura indígena no estilo de vida local se mostram com clareza também na gastronomia. A influência da culinária dos apaches e navajos é forte aqui. E manda lembranças.

Experimente o navajo taco, no cardápio de qualquer restaurante de Winslow. O prato é uma espécie de pão redondo, que lembra massa de pizza e é coberto com feijão, alface, tomate picado, queijo e muito chilli, a tal pimenta mexicana. Na aparência (e só nela), lembra uma bruschetta gigante. E é muito bem servido, para apetites vorazes. O custo-benefício é camarada: em média, US$ 7 (R$ 15,50) a unidade.


Como regra no Arizona, mesmo pratos mais convencionais são servidos em versão apimentada. O ingrediente é básico, vai em qualquer receita. Depois de um dia inteiro de sabores flamejantes, o que eu queria era um pouco de comida livre do chilli. No restaurante do Hotel La Posada, escolhi cordeiro acompanhado de milho e uma saladinha – e tudo veio à mesa impregnado do tal tempero picante.

Fica o alerta: peça ao cozinheiro para moderar neste ingrediente específico ainda que ele não seja citado no cardápio. / R.C.