As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Brasileiros mais que bem-vindos

Bruna Tiussu

16 Março 2010 | 13h32

Disposto a qualquer malabarismo para não perder os turistas brasileiros – afinal, nossa maior fama lá fora é o impulso pelas compras – o esquadrão que promove o turismo nos Estados Unidos tem o parceiro primordial para esta missão: o próprio presidente Barack Obama.

Quem deu os detalhes da empreitada foi o vice-presidente da US Travel Association, Bruce Bommarito, na manhã de hoje durante o Fórum Panrotas. Segundo ele, o país está passando por um processo importantíssimo para melhorar e facilitar o ingresso de brasileiros no território americano, com todo o apoio do governo.

A primeira conquista é a ampliação do visto americano para dez anos, que deve entrar em vigor ainda este mês. O acordo passa a valer para os que viajam a turismo ou a negócio. Para facilitar o tão burocrático trâmite da solicitação do visto e diminuir o tempo de espera durante a entrevista, foi instituído o DS-160, formulário eletrônico que já está disponível no www.visto-eua.com.br substituindo os formulários DS-156, 157 e 158. Deverá ser preenchido pela internet, impresso e apresentado no dia da entrevista pré-agendada. O DS-160 será obrigatório a partir de 5 de abril.

Apesar de ser apenas estatísticas médias, um gráfico exibido por Bommarito mostrou que o tempo de espera pelo visto também tem reduzido ao longo dos anos. Em 2008, a espera era de 3 a 6 meses, em 2010 caiu para no máximo 1 mês. Segundo a Embaixada dos Estados Unidos no Brasil, o número de brasileiros que solicitaram visto americano em 2009 foi 472.950. Porém, não há dados de quantos foram emitidos e nem do tempo que cada pessoa teve que esperar por ele.


“Tivemos alguns progressos também no processo de imigração. Estamos com mais funcionários devidamente instruídos, para evitar as filas enormes que normalmente se formam na entrada dos EUA”, disse. Também foram colocados mais sinais indicando qual fila o turista deve se dirigir, para que não haja enganos.

Mais conteúdo sobre:

EUAFórum PanrotasTurismoViagemvisto