Como passar a noite de Natal fora de casa
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Como passar a noite de Natal fora de casa

Adriana Moreira

10 Dezembro 2013 | 03h30

Ricardo Freire

Quando você marca uma viagem para a época do Natal, precisa se conformar com o fato de que aquela ceia a que você está acostumado será impossível de reproduzir. Natal sem receitas de família nem crianças abrindo presentes na sala não é Natal. Então o melhor é não criar expectativas – e tomar providências para a noite acabar bem.

Strasbourg, na França – Foto: Vincent Kessler/Reuters

Natal em resorts. Quem passa a noite do dia 24 num resort não tem com o que se preocupar: uma fartíssima ceia está incluída no pacote, e o pessoal da animação provavelmente providenciará um Papai Noel para entreter a criançada.
Natal em pousadas ou hotéis. Muitas pousadas no Brasil incluem a ceia no pacote de Natal. Em hotéis isso é menos comum. Em ambos os casos, vale a pena ligar e se informar sobre o que está previsto para a véspera. Se não houver celebração no local, é provável que saibam indicar algum restaurante que permaneça aberto nesta noite, já que todos os anos precisam lidar com essa situação. Aproveite e faça sua reserva.


Natal nos Estados Unidos. Brasileiros que passam a véspera de Natal nos Estados Unidos não passam fome: a noite do dia 24 é um dia como qualquer outro para os americanos. Todos os restaurantes abrem normalmente. O Natal é comemorado no dia 25 – e neste dia você poderá ter dificuldades de achar restaurantes abertos ou com vaga, sobretudo no almoço. O site opentable.com tem páginas especiais com os restaurantes abertos.

Natal em Buenos Aires. O Natal é mais animado do que o réveillon em Buenos Aires – é nesta noite que os portenhos soltam seus fogos. Mas é uma festa familiar: muitos restaurantes fecham, e os táxis somem das ruas. O melhor a fazer é perguntar ao seu hotel se existe algum restaurante aberto nas redondezas, aonde dê para ir e voltar a pé.

Natal na Europa. A noite do dia 24 é pródiga em concertos natalinos em igrejas. As missas do galo também são um ótimo programa para quem está fora de casa. Complemente com uma ceia no quarto (explico abaixo).

Ceia no quarto. É a minha sugestão de praxe (já testada e retestada) para natais e réveillons fora de casa. Na manhã do dia 24, passe em mercadinhos e delicatessens e invista em comidinhas finas. Monte uma ceia-piquenique sobre a cama, no quarto. Conecte o tablet no Skype e… passe o Natal em videoconferência com a sua família, onde ela estiver. Garanto que é muito mais divertido que ir a um restaurante.