Do estúdio para as telas
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Do estúdio para as telas

Bruna Tiussu

01 Junho 2011 | 19h10

Bruna Tiussu

Ele tem 36 anos e é um dos artistas do momento em Miami. Nascido e criado na cidade (mas com sangue latino, sua mãe é cubana), Bert Rodriguez nem considera a ideia de viver em outro canto do mundo, é exatamente dali que ele gosta – e de onde vem toda a inspiração para seus trabalhos.

Atualmente, mantém um estúdio no bairro mais artístico de Miami, em Wynwood District, onde pude conhecê-lo pessoalmente e fazer um ‘tour’ pelo seu modo de vida e de pensar artístico. Quando não está viajando expondo pelo mundo afora, é neste espaço que passa o tempo organizando ideias e novos trabalhos. São fotos, esculturas, instalações e vídeos criadas sempre com a intenção de causar interação entre as pessoas e a arte. No ano passado, quando participou da Bienal de Whitney, em Nova York, preparou uma instalação semelhante a um minimalista cubo branco onde o próprio artista dava curiosas seções de terapia ao público. (veja alguns exemplos de sua obra aqui)


Bert Rodriguez em seu estúdio, onde dá vida às provocantes e divertidas peças artísticas. Foto: Bruna Tiussu/AE

Também influenciado pela música – ele toca alguns instrumentos como bateria, violão e saxofone -, costuma dizer que a arte deve fazer parte da discussão global, assim como acontece com a música. “As pessoas devem se relacionar e interagir com a arte da mesma forma popular que acontece com a música. É natural, é isso que busco”, diz.

Como um dos expoentes da chamada arte contemporânea de Miami, a rotina de Bert foi escolhida para se tornar uma obra por sí só. O artista é o protagonista de Making Sh*t Up, documentário que foca em seu trabalho, mas traz, inevitavelmente, suas características pessoas à tona. Durante três anos, uma equipe de produção do Wet Heat Project acompanhou (e filmou, claro) o seu dia a dia, desde expressões naturais até os momentos mais solitários de criação.

O filme foi um dos destaques do Miami International Film Festival deste ano e terá sua segunda exibição oficial na cidade amanhã, na Miami Beach Cinematheque, às 20 horas. Para se ter uma ideia do projeto, assista ao trailer de Making Sh*t Up: