Férias pela internet, sem contratempos
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Férias pela internet, sem contratempos

Mônica Nóbrega

20 Dezembro 2013 | 19h12

O Brasil se tornou um País de viajantes independentes no momento de organizar as férias. É o que diz o Estudo da Demanda Doméstica do Ministério do Turismo, de 2012: nada menos que 94% dos turistas brasileiros compram por conta própria seus produtos e serviços. Consequência, claro, da popularização da internet.

Para orientar os compradores online e ajudar e evitar fraudes e contratempos – sabe o hotel que não é aquilo tudo que mostram as fotos? e as taxas extras que só aparecem no momento de pagar? como reclamar? -, a Associação Brasileira das Operadoras de Turismo (Braztoa) lançou uma cartilha com dicas sobre como se prevenir em compras digitais de pacotes e serviços turísticos.

Antes de fazer as malas, atenção aos cuidados básicos na compra online. Foto Ivan Dias/Estadão

A lista inclui itens como ter cuidado com ofertas muito tentadoras, com valores muito abaixo dos de mercado; conferir a reputação da empresa e se ela tem CNPJ, telefone e endereço físico antes de fechar o negócio; e imprimir ou salvar em PDF todos os comprovantes da compra online. Focada em defender os interesses das operadoras de viagem, a associação sugere, em sua lista, que contratar um agente torna tudo mais fácil e seguro. Não é uma dica indispensável para quem é atento e tem paciência de pesquisar. Mas a lista é, sem dúvida, útil. Aqui: cuidados na compra online.


O próprio Ministério do Turismo mantém o site Viaje Legal. A página, bem completa, traz desde orientações financeiras até as dicas sobre como proceder antes, durante e depois da viagem em questões relacionadas a deslocamento, saúde e documentos necessários.

Em outras palavras, até que momento da gestação uma grávida pode embarcar em um voo? Quais são os cuidados a se tomar com um turista idoso? É possível embarcar para países da América do Sul levando apenas o RG? A agência de viagem escolhida é de confiança? São todas questões respondidas na página. Um belo guia para iniciantes ou não. Afinal, dor de cabeça não combina com descanso.