Estreou no Fantástico! Mergulho no 1º museu submerso da Europa!
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Estreou no Fantástico! Mergulho no 1º museu submerso da Europa!

Karina Oliani

12 Maio 2017 | 15h49

Quem me acompanha nas mídias sociais sabe que recentemente estive em Lanzarote na Espanha para mais uma produção da Pitaya Filmes. Inclusive dei dicas do que fazer nesta, que é uma das 7 ilhas principais das Canárias aqui e contei sobre sua história e formação aqui.

Lanzarote fica a apenas 140km do Marrocos mas mesmo assim pertence a Espanha, o que a torna a ilha mais oriental de todo o arquipélago. É formada por vulcões adormecidos, enormes crateras e rios de lava. Esse lugar respira conscientização: existem nove centros de arte, cultura e turismo criados para proteger o patrimônio da ilha. Cada um deles é diferente dos demais, formando no seu conjunto uma panorâmica essencial para construir sua identidade. Por isso esse lugar é tão único!


Levando em consideração que essa ilha tornou-se referência mundial de desenvolvimento sustentável, onde suas infraestruturas turísticas estão em perfeito equilíbrio com seu habitat natural, eu tinha encontrado então o cenário ideal para minha próxima causa à preservação dos oceanos.

No ano passado, para alertar sobre a matança desenfreada de 11.000 tubarões por HORA em todo planeta, mergulhei em um naufrágio nas Bahamas cercada por dezenas de tubarões, lembra?  Estava na hora de chamar a atenção do mundo mais uma vez…

Inaugurado em janeiro deste ano, o Museu Atlântico é o primeiro museu submerso da Europa. Localizado na costa sul de Lanzarote, levou cerca de três anos para ser construído. Suas 12 instalações possuem mais de 300 figuras humanas em seu tamanho natural criadas pelo escultor britânico Jason DeCaires.

A coleção de esculturas em concreto foi projetada a mais ou menos 15 metros de profundidade para trazer consciência ambiental entre as pessoas. A intenção é que a instalação se torne um grande recife artificial no futuro, ajudando a conservar o habitat das Ilhas Canárias.

Desde suas primeiras instalações, a área tem visto um aumento significativo na vida marinha, incluindo tubarões anjo, sardinhas, polvo e esponjas marinhas.

O objetivo do Jason ao construir esse museu sempre foi o mesmo que o meu. Pensando nisso, entrei em contato novamente com meu amigo e estilista Arthur Caliman para me ajudar a desenhar vestidos com tecidos que se movimentassem debaixo d’água. Afinal, precisava estar vestida a caráter para conhecer o museu mais impressionante da Europa construído nos últimos tempos!

Para não boiar e conseguir me fixar a 15 metros de profundidade, colocamos 4kg de lastro no busto dos vestidos. Segundo o Arthur conseguíamos assim manter a elegância sem prejudicar sua aparência. Também contei com ajuda de uma equipe de três fotógrafos, que são mergulhadores para realizar esse novo ensaio fotográfico no fundo do mar.

O resultado? Você confere na matéria inédita que foi ao ar neste domingo, 07/05 no Fantástico da Rede Globo aqui!

FOTOS:

Alexandre Socci

 

AGRADECIMENTOS:

– Arthur Caliman (http://arthurcaliman.com.br/)

– Turismo da Espanha (http://www.spain.info/)

– Hotel Princesa Yaiza (http://www.princesayaiza.com/)

– Aquatica Seaworker (http://www.seaworker.com.br/)

– Seasub Equipamentos Esportivos (http://www.seasub.com.br/)

– Canon BR (http://www.canon.com.br/)