Aos missionários, meu muito obrigada!

Aos missionários, meu muito obrigada!

Camila Anauate

12 Dezembro 2017 | 12h00

Não saberia dizer o que significa abrir mão da própria vida por uma causa. Ou melhor, fazer da própria vida uma causa. Longe de casa – da família, de tudo –, acreditando tão profundamente, fé inabalável, quebrando barreiras, trazendo amor e mais alívio para o mundo.

Conheci os missionários mais especiais na minha jornada de voluntária na Jordânia. Vi saudade, ansiedade, medo e alegria em seus olhos. Aprendi suas histórias de vida, dividi momentos, sentimentos, abraços. Eles me acolheram. Para eles me abri. Com eles, tenho mais esperança no futuro.

Eu fui, doei, sorri, chorei, voltei. Vida que volta ao normal, os novos velhos problemas, anseios, inquietações. E eles lá, firmes e fortes na missão de levar mais humanidade para o planeta, dia após dia, dedicando toda uma vida a amar ao próximo.


À Família Aziz que começou o projeto da MAIS Oriente Médio na Jordânia e está expandindo a missão para Iraque. Aos meus companheiros da Guest House, onde fiquei hospedada e dividi geladeira, mesa e fogão: Rafa, Cari, Lala, Wis. Aos meus parceiros da escola, do circo e do sofá, Fany e Ismael. A todos jordanianos, iraquianos e sírios refugiados que também dedicam suas vidas à ajuda humanitária.

MEU MUITO OBRIGADA.

Sem vocês, minha experiência não teria sido.

Com vocês, o mundo é muito melhor.