Sensação do rap chileno faz show em SP

Ana Tijoux irá mostrar faixas do recém-lançado 'La Bala', que tem a participação de Curumin.

Paulina Chamorro

27 Janeiro 2012 | 16h46

Ana Tijoux irá mostrar faixas do recém-lançado ‘La Bala’, que tem a participação de Curumin

Por Emanuel Bomfim e Paulina Chamorro
publicado  em www.territorioeldorado.com.br

Na última passagem de Ana Tijoux por São Paulo, em setembro de 2011, a rapper chilena demonstrava uma empolgação que estava além da experiência de palco. Não era para menos. A cantora estava finalizando seu novo disco de inéditas. Falou um bocado dele, mas não pôde mostrá-lo ao vivo, tampouco as gravações.

Neste domingo, 29, a história será diferente. Não há mais o que guardar. Quem comparecer ao Centro Cultural da Juventude (CCJ), na zona norte de SP, poderá ouvir as faixas do recém-lançado La Bala. O álbum, sucesso total em seu país, vem ganhando projeção no mercado norte-americano. É um dos mais baixados no iTunes entre os artistas latinos.

Inquieta, a MC queria buscar uma sonoridade diferente do rap do aclamado 1977, de rimas politizadas e batidas poderosas. “É complicado quando se tem um disco que foi bem recebido pela crítica, eu não queria repetir a fórmula, senão acaba sendo música para publicidade”, diz em entrevista à reportagem da Eldorado.


A saída, além de se cercar de múltiplas parcerias, foi investir em arranjos mais delicados, de formação camerística. “Em La Bala busquei um diálogo com um som clássico. Tinha uma vontade muito grande de trabalhar com violinistas”, explica a chilena.

O elenco de vozes dá uma ideia do quão versátil está Tijoux: Jorge Drexler, a cantora de soul Monica Blaire, o grupo de rap cubano Aldeanos e o baterista brasileiro Curumin, que aparece na faixa El Rey Solo.

La Bala, faixa-título do disco, ela construiu contando a trajetória de uma bala, por etapas. “É quase um épico. Fiz a letra pensando em todas as fases do clipe. Tenho hoje uma visão mais fotográfica”. O som é quase sempre soturno, de groove esparso e canto melódico. Ana Tijoux fez seu melhor disco, não há dúvida.

Pra os leitores do  Vias Alterlatinas, separei uma imagem de um show do uruguaio Jorge Drexler, no  Chile ( já publiquei o grande sucesso  dela na atualidade, Schock… Veja em post anteriores). Aqui, Jorge Drexler e Ana Tijoux interpretam  ‘Sacar la Voz’, que está no  novo  disco  da chilena.