Viagem

A internet e os hotéis que não correspondem

miles@estadao.com

05/01/2016 | 03h00    

Mr. Miles - O Estado de S. Paulo

E lá se foi ele de novo! Nosso estimado correspondente britânico deixou o Brasil depois de encantar-se com as cavernas do Vale do Peruaçu, perambular por Diamantina (testemunhas confirmam que o viram na companhia de Trashie e a senhora Raimunda de Menezes garante que conversou com Mr. Miles que, conforme seria de esperar, foi muito cortês e agradável) e passar o réveillon na fazenda de uma família de amigos em Salinas, terra de “cachaça tão boa que até minha mascote abriu uma exceção ao uísque”.

Depois, guardou suas bermudas de Bermudas e, aparentemente, voltou à Grã-Bretanha para preparar todas (ou quase todas) as dezenas de viagens que pretende fazer em 2016.

 

A seguir, a pergunta da semana.

Prezado Mr. Miles: acabo de passar por uma terrível experiência de hospedagem em Mestre, na Itália. O hotel, que escolhi pela internet, ficava ao lado de um inferninho, com música insuportável a noite toda. Fui reclamar e o gerente disse para lamentar-me com o dono do inferninho. Como evitar experiências assim? 

Vasco Ruiz Pomares, por e-mail

Well, my friend, I’m very sorry about you. Sua experiência me faz lembrar uma série de outras, ocorridas com alguns amigos e leitores indignados. São situações recorrentes. A mais divertida delas (ainda que very disgusting) aconteceu com um casal de amigos alemães. Wolfgang e Heidi, viajantes econômicos e autossuficientes, encontraram, na internet, um pequeno hotel em Veneza – por acaso bem ao lado da cidade de Mestre que você citou. Era, of course, um prédio antigo. 

O apartamento que ocuparam, no quarto andar, tinha o piso de tal forma inclinado que Wolfgang e Heidi acabaram tendo relações sexuais não planejadas. Mas esse foi um benefício inesperado para o casal já de há muito entrado nos sessenta. O que os incomodou foi descobrir que a parede de seu quarto era toda grafitada com frases e desenhos obscenos, como se fosse a cela de uma penitenciária. O casal foi pedir que trocassem seu apartamento para a noite seguinte e, believe me, ouviu do gerente que todos os quartos tinham inscrições parecidas. 

“Mas vocês não limpam essa sujeira?“, protestou Wolfgang.

Ma che sujeira?”, replicou o funcionário. “Questo e stilo!!!

Em outras palavras, my friend, bons conselheiros, agentes de viagem confiáveis e publicações com credibilidade ainda são um caminho mais seguro para evitar roubadas. Be careful com home pages repletas de jactância e websites que não exibam opiniões de hóspedes que já visitaram o estabelecimento. Você corre o risco de dormir ao lado de um ninho de camundongos (aconteceu com minha pobre tia Henriette), ou de reservar um seaview room que fica a cinco quilômetros da praia e oferece lindos pôsteres da orla pendurados nos apartamentos. Do you know what I mean?

É preciso ter cautela. O gerente de meu pub predileto em Dover, Todd Rivers, relatou-me, certa vez, que foi para Toledo, na Espanha, com sua beloved Nancy e elegeu um hotel bem avaliado em um website por sua localização, limpeza e tamanho dos apartamentos. Quando chegou ao local, com a reserva devidamente paga, descobriu, however, um banheiro de dimensões tão diminutas que só lhe permitia usar o vaso sanitário com a porta aberta, com os pés, as tíbias e os perônios invadindo o sleeping room. O pobre Todd, by the way, tem 2 metros e 3 centímetros de altura...

MR. MILES É O HOMEM MAIS VIAJADO DO MUNDO. ELE ESTEVE EM 183 PAÍSES E  16 TERRITÓRIOS ULTRAMARINOS.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Calendário

  • 27mai

    Horário de verão no Animal Kingdom

    A partir desse dia o parque Animal Kingdom, da Disney em Orlando, passa a fechar mais tarde, às 23 horas (era às 18 horas). A Árvore da Vida (Tree of Life) estreia nova iluminação e o Kilimanjaro Safari terá tours noturnos: bit.ly/aknoite; desde US$ 97.

  • 08mai

    Corrida pelo bem

    Com largada simultânea em Brasília e outras 33 cidades do mundo – veja lista em bit.ly/runwings– a corrida Wings for Life tem renda revertida para pesquisa da cura de lesão na medula espinhal. Inscrições: US$ 30

  • 06mai

    Festa do Divino

    Marcada pela cultura popular e por procissões, a festa do Divino Espírito Santo dura dez dias (até 15) e é forte em São Luís do Paraitinga (SP) e em Paraty (RJ), onde ganhou atá DJs. Mais: bit.ly/divinoparaitinga e bit.ly/divinoparaty.

  • 16mai

    Orgulho gay no méxico

    Receptiva ao turismo gay, Puerto Vallarta, no México, recebe até dia 30 o Vallarta Pride (vallartapride.com). Além do desfile no domingo (28), o evento terá festivais de música e cinema, além festas. Tudo grátis.

  • 20mai

    Jazz em Paraty

    Eumir Deodato, Rosa Passos e Thiago Espírito Santo são alguns dos artistas que se apresentam na Praça da Matriz, em Paraty, para as três noites de jazz, blues e soul do Bourbon Festival, até dia 22. Tudo grátis; bit.ly/viabourbon

  • 21mai

    festival Ver-o-Peso no Pará

    A atual culinária mais badalada do Brasil é celebrada em Belém no Festival Ver-o-Peso da Cozinha Paraense, batizado com o nome do mercado público. Até o dia 29, tem aulas, jantares com chefs e mais; bit.ly/viaveropeso

  • 25mai

    Festival das luzes em Jerusalém

    Com todas as atrações gratuitas e concentradas na área histórica, Jerusalém faz seu Festival de Luzes até 2 de junho, com projeções em locais como o Muro das Lamentações. Mais: lights-in-jerusalem.com

  • 25mai

    Cirque du Soleil na Broadway

    O Cirque du Soleil estreia seu primeiro show criado especialmente para a Broadway (broadwaycollection.com). Paramour é a história de uma atriz que tem de escolher entre um romance e sua arte. Desde US$ 55

  • 25mai

    Dança em Santos

    Até dia 29, o 3º Festival Internacional de Dança apresenta números de variados estilos no palco do Teatro Municipal Brás Cubas. Para os profissionais, haverá aulas especiais; fidifest.com.br

  • 26mai

    Festival do Pinhão

    Santo Antonio do Pinhal (SP) terá quatro dias de festival dedicado ao pinhão. Receitas com o ingrediente serão vendidas na Praça do Artesão, que terá também barraca de cerveja artesanal e shows; bit.ly/pinhaopinhal