Adriana Moreira/Estadão
Adriana Moreira/Estadão

Amarelo deserto para turista ver

É um daqueles passeios bem para turista ver. Um clichê que, como tantos outros, você não pode deixar de testemunhar. O tour no deserto (360 dirhams por pessoa ou R$ 194) começa com uma apresentação em que um falcão, ave criada como animal de estimação em Dubai, faz voos altos e rasantes por entre os visitantes. Então, dentro de um veículo 4X4 com ar condicionado, começa o rali pelas dunas.

O Estado de S.Paulo

05 Fevereiro 2013 | 02h10

A Arabian Adventures (arabian-adventures.com), única empresa autorizada a fazer o passeio, informa logo em seu site que o programa não é indicado para mulheres grávidas ou pessoas com problemas de coluna. Já nas primeiras manobras do carro sobre a areia entende-se o motivo. Prepare-se para subidas e descidas emocionantes, fundamentais para o carro não atolar na areia fofa do deserto. Depois de uma parada para admirar o pôr do sol (e muitas fotos das dunas douradas), chega-se a um acampamento com tendas de inspiração beduína.

Ali, enormes tapetes ao centro, com mesas baixas e almofadas no chão ao redor, esperam os visitantes para o jantar no deserto. Antes disso, pode-se fumar narguilé (lá chamado de shisha), fazer ornamentações nas mãos com tatuagem de henna, assistir a apresentações de dança do ventre ou andar de camelo - tudo incluído no seu pacote. Para evitar filas, espere o início da noite para esta última atividade. A sombra gigante do camelo sobre a areia dá um clima ainda mais especial ao passeio. Como resistir a mais esse clichê?

Nunca é demais lembrar: leve um casaco e uma echarpe para proteger o pescoço - à noite faz frio. Assim, agasalhado, você vai poder curtir melhor o que vem depois do jantar. Todas as luzes do acampamento são apagadas por alguns momentos. É hora de deitar sobre os tapetes e almofadas, admirar o céu pontilhado de estrelas, curtir o silêncio do deserto. Pensar nos dias que se passaram na viagem, nos que ainda virão ou, simplesmente, não pensar em nada. E assim, em meio àquela atmosfera única, você vai ter certeza que aqueles chacoalhões no 4X4 realmente valeram a pena. / MARINA VAZ

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.