Anac promete selo de conforto

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) anunciou a criação de um "selo conforto" para aeronaves e empresas aéreas. A agência ainda não deu prazo para começar a emitir o certificado, nem divulgou quais serão os critérios para avaliar as poltronas. A análise será feita em parceria com o Inmetro. O selo é a única resposta dada até o momento à exigência, feita pelo governo federal há quase dois anos, de que as empresas aéreas reavaliem a prática de reduzir o espaço entre poltronas para levar mais passageiros. O ministro da Defesa, Nelson Jobim, anunciou a decisão em 2007 na CPI do Apagão. Jobim, que tem 1,90 metro, não escondeu o incômodo com a falta de espaço. "Não é o problema apenas de um homem de 1,90 metro, é de homens e mulheres. Todos sentem isso."

O Estado de S.Paulo

19 Maio 2009 | 02h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.