Camila do Bem/Estadão
Camila do Bem/Estadão

Boston de graça: veja mais opções

Roteiro tem Harvard, o MIT e parques para relaxar

Camila do Bem, Boston / Especial para O Estado

18 Julho 2017 | 04h25

Parques para ficar à vontade

O Boston Common e o Boston Public Garden ficam lado a lado e formam, juntos, uma espécie de Ibirapuera de Boston. Seus gramados, lagos, pontes, fontes e mais de 80 espécies de plantas (no Public Garden) são usados como área de lazer e de esportes por moradores e turistas. No inverno, o lago congelado vira pista de patinação; no verão, barquinhos em forma de cisne circulam com turistas. Fundado em 1634, o Boston Common é o parque público mais antigo dos Estados Unidos. Mais: friendsofthepublicgarden.org.

VEJA OUTRAS ATRAÇÕES PARA CONHECER BOSTON GRATUITAMENTE

Cobiçada Harvard

Uma das universidades mais antigas, famosas e cobiçadas do mundo, Harvard fica na cidade vizinha de Cambridge, contemplada também pelo transporte público de Boston – pegue o metrô da linha vermelha e desça na estação Harvard Square. O quarteirão principal do câmpus, chamado de Yard, dá a sensação de um filme americano.

Circule livremente entre os prédios e moradias estudantis e admire a fachada da biblioteca, a segunda maior dos Estados Unidos, com 80 quilômetros de estantes – a entrada só é permitida a alunos. No site da universidade você pode baixar mapa e áudio do tour autoguiado (bit.ly/harvardguia). No entorno há livrarias, sebos e lojinhas que vendem souvenirs com o logo da universidade.

Sem dúvidas no MIT

Também vale a pena aproveitar a ida a Cambridge para visitar outro câmpus universitário famoso, o do Massachusetts Institute of Technology, o MIT. Um dos maiores centros de tecnologia do mundo, o instituto fica próximo à estação Kendall, também da linha vermelha do metrô de Boston. Conheça o Museu MIT, onde estão expostos interessantes projetos focados em tecnologia. Há tours gratuitos guiados por estudantes, de segunda a sexta-feira, em dois horários diários; reserve no site (institute-events.mit.edu/visit/tours). Atenção: alguns deles incluem sessões tira-dúvidas para interessados em ingressar na universidade. Outra opção é baixar um mapa e fazer o passeio por conta própria.

Antigo navio de guerra

Não é por acaso que aqui está o ponto final da Freedom Trail: o USS Constitution foi construído em 1797 e é o navio de guerra em operação mais antigo do mundo – atualmente, ele navega em algumas cerimônias ao longo do ano. A fragata ancorada relembra os tempos de guerra vividos em Boston e orgulha os americanos por ter se mantido invicta nas batalhas pela independência.

É possível conhecer o navio por dentro, além de visitar um pequeno museu que fica bem em frente e explica as vitórias do USS Constitution e a história da marinha americana. A entrada não tem preço fixo; sugere-se a doação de qualquer valor para a manutenção do lugar. Mais: ussconstitutionmuseum.org.

Entrada livre nos museus

Bons museus em Boston têm seus dias da semana com entrada gratuita ou preço sugerido, num esquema em que você doa quanto puder. O Museum of Fine Arts (MFA) proporciona uma volta ao mundo, com destaque para as áreas das culturas africana e egípcia. Às quartas-feiras, a partir das 16 horas, a entrada é livre – o pagamento sugerido é de US$ 25. Nesse dia, o horário de funcionamento é estendido até as 22 horas.

O Instituto de Arte Contemporânea (ICA) tem, entre outras, a coleção Barbara Lee, só com trabalhos de mulheres, e é grátis toda quinta-feira, das 17 às 21 horas; icaboston.org. O Commonwealth Museum retrata a história de Massachusetts e é gratuito todos os dias: www.sec.state.ma.us/mus.

Leia mais sobre Estados Unidos: Um guia completo das novidades de Orlando

Já viu nossa série de vídeos sobre Orlando?

Mais conteúdo sobre:
Estados Unidos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.