Buenos Aires: qual seu bairro?

 

01 Dezembro 2010 | 10h00

 

Microcentro

Os hotéis mais baratos dos pacotes estão por aqui, no quadrilátero entre Florida, 9 de Julio, Corrientes e Santa Fé. É prático para passear e para fazer compras. Mas tenha em mente que não é o lugar mais bonito de Buenos Aires e fica bastante triste e ermo depois que escurece.

 

Recoleta

Não existe lugar mais elegante para dormir e acordar em Buenos Aires. Mesmo que o seu hotel não seja lá grande coisa (os mais em conta não são), você se sentirá num lugar chique. Para comer, porém, fuja das imediações do Cemitério; atenha-se à Calle Posadas e aos restaurantes da Recova.

 

Palermo Soho (foto)

É Ipanema e Leblon num só lugar: se você gosta de bater perna, namorar vitrine, comer e beber bem, vai ter diversão na porta. Os hotéis são pequenos e atendem a todos os bolsos. Acompanhe o ritmo do bairro: nada acontece antes das 11 da manhã (mas as lojas vão até mais tarde).

 

Palermo Hollywood

O bairro renasceu em função dos estúdios de TV e cinema que se instalaram por ali. É um paraíso gastronômico. Mas não é um lugar gostoso para caminhar: há pouquíssimas lojas e os restaurantes têm localização esparsa. É o contrário do Microcentro: durante o dia não acontece nada.

 

San Telmo

É muito mais do que a feira de domingo (inclusive no quesito antiguidades: os antiquários funcionam a semana inteirinha). San Telmo é um bairro para ser apreciado com calma: quem tiver paciência de xeretar e não se deixar deter pelas aparências, vai encontrar inúmeros tesouros inesperados.

 

Puerto Madero

É um ícone apenas entre turistas. Os portenhos não têm o mesmo apreço que nós, brasileiros, por este porto transformado em restaurantódromo. A arquitetura é linda, e o lugar é mesmo o mais animado da cidade para passar o réveillon. Só não superestime o lugar; uma ida está de bom tamanho.

 

 

O filhote do blog gaúcho Destemperados combina dois assuntos que não se vê juntos na internet: gastronomia e crianças. Consulte quando precisar de boas sugestões de restaurantes para ir com os baixinhos em Gramado, Canela, Buenos Aires, Chile, Santa Catarina ou Rio

 

 

Veja também:

linkDa prancheta para os cartões-postais

link Beleza singular

linkEm Santarém, um encontro em duas cores

linkA praia da moda: sai dessa

blog Blog. Dicas e bastidores das viagens da nossa equipe

blog Twitter. Notícias em tempo real do mundo turístico

 

Mais conteúdo sobre:
viagem Buenos Aires

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.