Viagem

Dicionário para ter sempre à mão (e à mesa)

Nomes curiosos e divertidos se multiplicam nos cardápios

15/09/2009 | 03h14

Roberto Almeida - O Estado de S.Paulo

Curiosidades do mundo enogastronômico português, para não levar sustos e se deliciar à vontade:

 

Veja também:

linkRumo ao sabor do Alentejo

link'Road movie' entre vinhas e olivais

linkPatrimônio da Unesco com agito de cidade universitária

CASTAS

No país, os tipos de uvas - ou castas - têm os nomes mais variados. E divertidos. Apesar de já mesclados com castas internacionais, como Cabernet Sauvignon e Shiraz, quando você toma vinhos portugueses pode sentir traços de Antão Vaz, Roupeiro, Fernão Pires, Touriga Nacional e Trincadeira.

COENTRO

Quase todos os pratos alentejanos levam coentro. Se não gosta, avise logo.

ENCHIDOS

São os tradicionais embutidos portugueses, servidos fartamente antes de cada refeição. O banquete começa pelo conhecido chouriço, passa pela alheira e chega à farinheira. Para quem gosta de sabores fortes.

MOSCATEL DE SETÚBAL

Vinho de sobremesa, doce e fortificado. Elaborado na Península de Setúbal, perto de Lisboa, tem como principal curiosidade seu modo de preparo. O vinho não descansa em barricas no escuro, em temperatura amena. Ele precisa de calor equatorial para se desenvolver, técnica aprimorada pelas vinícolas durante as longas viagens do período do Descobrimento.

PÃO DE RALA

Doce típico alentejano, é servido em sua melhor forma na Padaria Conventual Pão de Rala, que fica no centro de Évora. Na receita, além de ovos, figuram abóbora e canela.

PASTEL DE BELÉM

O doce, de fina casca e conteúdo cremoso, já tem versões de sobra no Brasil. Mas o original mesmo só é feito e vendido perto da Torre de Belém, em Lisboa, com receita mantida em absoluto sigilo. A confeitaria atrai muita gente, mas o atendimento é rápido e a delícia, sempre fresquinha.

PORCO PRETO

A carne do porco preto é a mais consumida no Alentejo. O animal se alimenta apenas de bolotas de carvalho e de ervas frescas, o que muda o paladar da carne e garante os melhores presuntos de Portugal - parecidos com o cobiçado jamón espanhol, só que bem mais baratos. Também é mais saudável, com nível de colesterol comparativamente baixo.

PREGO NA VAZIA

Simplesmente um pão com bife, servido no centro de Lisboa.

SERICAIA

Mais um ícone da aparentemente infindável lista da doçaria portuguesa. Levemente adocicada, a sericaia é uma torta que, se comparada aos demais doces, parece ser menos calórica. A massa, em seu estado ideal, derrete na boca.

TORTAS DO AZEITÃO

Um mini-rocambole excepcional, com recheio feito com creme de ovos. A tortinha do Azeitão é ótima companhia para um café. R.A.