No 'boteco' favorito do saudoso pai do jornalismo gonzo

Ao entrar no Woody Creek Tavern (foto), você até se esquece de que está em Aspen. Nada de glamour e nada de arquitetura clássica. Instalado fora do badalado centro, o bar exibe milhares de pôsteres e adesivos nas paredes, bandeiras no teto, outros adereços não identificáveis e uma geladeira das antigas. Ouso dizer que talvez seja o endereço mais autenticamente americano daquela porção do Colorado.

O Estado de S.Paulo

15 Outubro 2013 | 03h24

Era ali, aliás, que o polêmico jornalista Hunter S. Thompson, ilustre morador da comunidade de Woody Creek, parava para tomar uma cerveja. Como forma de homenageá-lo e de preservar sua memória - ele se matou em 2005 -, há fotos do pai do jornalismo gonzo misturadas à decoração exótica do lugar.

Com um pouco de sorte, e desde que o volume da música ambiente permita, você ainda pode escutar boas histórias sobre o jornalista da boca dos funcionários mais antigos. Foi ali, por exemplo, que Thompson conheceu um de seus grandes amigos, o ator Johnny Depp, que mais tarde interpretaria o alter ego do escritor em filmes como Medo e Delírio e Diário de um Jornalista Bêbado. / B.T.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.