Jonne Roriz/Estadão
Jonne Roriz/Estadão

O melhor do mundo submerso

Cinco destinos para mergulho nos melhores pontos do Caribe

Lucas Frasão, Especial para o Estado,

24 Outubro 2013 | 12h38

Bahamas

A bordo do barco Ocean Eyes, os brasileiros Alcides Falanghe e Tatiana Zanardi mergulharam nos cinco melhores destinos do mundo – eleitos pelo World Travel Awards 2013, espécie de Oscar do turismo. Todos no Mar do Caribe. A começar pelas Bahamas, com mais de 2 mil ilhas no Atlântico. Viram tubarões-martelo, tubarões-tigre e tubarões-galha-branca. Encontraram visibilidade “impressionante” na Ilha de San Salvador. Buracos azuis e cavernas submarinas fazem a fama local.

 

Ilhas Virgens Britânicas

Um trágico naufrágio é o destaque no arquipélago subordinado ao Reino Unido. "É um ótimo lugar para vela e mergulho, sendo que o forte são os naufrágios, como o histórico Rhone", diz Falanghe. O navio foi atingido por um furacão em 1867 e hoje, a 17 metros de profundidade em Salt Island, é um destino popular. Entre as mais de 60 ilhas, as maiores são Tortola e Virgem Gorda, de onde se pode agendar a maioria dos passeios com agências de mergulho.

 

Bonaire

Foi neste território vinculado à Holanda que a aventura de três anos do casal Falanghe e Zanardi teve ponto fixo durante nove meses. "É o melhor lugar do Caribe para mergulho de praia e um dos melhores do mundo", diz ele. "Quando estávamos lá, mergulhamos com golfinhos, arraias e outros animais." Dos 86 pontos de mergulho de Bonaire, 60 são facilmente acessíveis a partir da costa e a visibilidade subaquática é alta, tornando a experiência adequada para mergulho com snorkel.

 

Ilhas Cayman

Isenção de impostos e padrão de vida comparável ao da Suíça fazem a fama desse território ultramarino britânico, a 250 quilômetros de Cuba. Mas é a natureza o forte das ilhas à beira da Fossa Cayman, ponto mais fundo do Mar do Caribe. Tanto que o destino levou pela segunda vez o “Oscar do turismo” na categoria mergulho. São 200 pontos entre as três principais ilhas: Grand Cayman, Cayman Brac e a Little Cayman. Naufrágios são o destaque, inclusive com navios afundados de propósito.

 

 

Turks e Caicos

São 40 ilhas cuja população de visitantes (175 mil, em 2004) é muito superior ao tamanho da população de moradores fixos (cerca de 50 mil). A Ilha Turk, ou Grand Turk, e a Providenciales, também chamada de Ilha Caicos, são as maiores do arquipélago. "É uma das maiores visibilidades sob a água, dá para ver bem até uns 50 metros", lembra Falanghe. O mergulhador deixa a dica: "Entre janeiro e março é a época das baleias jubartes".

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.