Viagem

O Nordeste e o zika: é preciso cancelar a viagem?

Muita gente me pergunta se deve cancelar viagens ao Nordeste por causa da chegada do zika vírus, o novo mal transmitido pelo nosso velho conhecido, o mosquito Aedes aegypti. “Você tem notícias da epidemia de zika nos resorts de Porto de Galinhas?”, já cheguei a ouvir. Calma no Brasil!

19/01/2016 | 02h59    

Ricardo Freire - O Estado de S.Paulo

Viajar sempre envolve riscos. A partir do momento em que pegamos a estrada ou subimos num avião, estamos sujeitos a toda sorte de contratempos e incidentes. Muitos desses riscos já estão completamente assimilados. Evitamos pegar estrada à noite, saímos à rua sem relógio, guardamos objetos de valor no cofre. Quando o risco é de saúde, no entanto, a reação natural é não deixar nenhuma brecha para o azar.

Não, não há epidemia de zika nos resorts

Não, não há epidemia de zika nos resorts Foto: Divulgação

No início de 2009, a gripe H1N1 esvaziou primeiramente o balneário mexicano de Cancún, e depois provocou cancelamentos em cascata das viagens de brasileiros a Bariloche e ao Chile. Não adiantou muito: a epidemia chegou ao Sul e ao Sudeste do Brasil antes mesmo do inverno acabar. Quem não viajou acabou precisando aprender a se defender do vírus em casa (viva o álcool gel!).

Em 2010, uma epidemia de cólera no Haiti causou pânico (e cancelamentos) em turistas com viagem marcada à vizinha República Dominicana. Apesar das manchetes alarmistas, o único caso confirmado em Punta Cana foi de um trabalhador haitiano que tinha ido passar a folga em casa. (Os mais antigos também deverão se lembrar da ameaça de epidemia de cólera de 1991, que acabou não se confirmando mas quase extinguiu os restaurantes japoneses em São Paulo.)

Não, não existe uma epidemia de zika vírus em resorts de nenhum destino turístico do Nordeste. Existe a constatação da chegada do zika vírus e de sua influência na má-formação de bebês. Turistas não estão caindo doentes. A propósito, em dezembro estive por cinco dias entre Pernambuco e Paraíba. Passei repelente no primeiro dia, nos outros acabei me esquecendo. Não fui picado sequer uma vez por mosquito nenhum.

Evidentemente, grávidas não devem viajar ao Nordeste. Tampouco o Nordeste é, hoje, um destino apropriado para casais que estejam querendo engravidar. Para todos os que não estamos grávidos, porém, vale saber que neste momento é mais difícil pegar zika no Nordeste, que ainda está na estação seca, do que pegar dengue no Sudeste, que vive sua estação chuvosa.

Da mesma maneira que aprendemos a usar álcool gel, vamos precisar incorporar repelente e mangas compridas ao nosso cotidiano. Ou você acha que o zika não chega rapidinho também por aqui?


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Calendário

  • 25mai

    Festival das luzes em Jerusalém

    Com todas as atrações gratuitas e concentradas na área histórica, Jerusalém faz seu Festival de Luzes até 2 de junho, com projeções em locais como o Muro das Lamentações. Mais: lights-in-jerusalem.com

  • 25mai

    Cirque du Soleil na Broadway

    O Cirque du Soleil estreia seu primeiro show criado especialmente para a Broadway (broadwaycollection.com). Paramour é a história de uma atriz que tem de escolher entre um romance e sua arte. Desde US$ 55

  • 25mai

    Dança em Santos

    Até dia 29, o 3º Festival Internacional de Dança apresenta números de variados estilos no palco do Teatro Municipal Brás Cubas. Para os profissionais, haverá aulas especiais; fidifest.com.br

  • 26mai

    Festival do Pinhão

    Santo Antonio do Pinhal (SP) terá quatro dias de festival dedicado ao pinhão. Receitas com o ingrediente serão vendidas na Praça do Artesão, que terá também barraca de cerveja artesanal e shows; bit.ly/pinhaopinhal

  • 27mai

    Horário de verão no Animal Kingdom

    A partir desse dia o parque Animal Kingdom, da Disney em Orlando, passa a fechar mais tarde, às 23 horas (era às 18 horas). A Árvore da Vida (Tree of Life) estreia nova iluminação e o Kilimanjaro Safari terá tours noturnos: bit.ly/aknoite; desde US$ 97.

  • 08mai

    Corrida pelo bem

    Com largada simultânea em Brasília e outras 33 cidades do mundo – veja lista em bit.ly/runwings– a corrida Wings for Life tem renda revertida para pesquisa da cura de lesão na medula espinhal. Inscrições: US$ 30

  • 06mai

    Festa do Divino

    Marcada pela cultura popular e por procissões, a festa do Divino Espírito Santo dura dez dias (até 15) e é forte em São Luís do Paraitinga (SP) e em Paraty (RJ), onde ganhou atá DJs. Mais: bit.ly/divinoparaitinga e bit.ly/divinoparaty.

  • 16mai

    Orgulho gay no méxico

    Receptiva ao turismo gay, Puerto Vallarta, no México, recebe até dia 30 o Vallarta Pride (vallartapride.com). Além do desfile no domingo (28), o evento terá festivais de música e cinema, além festas. Tudo grátis.

  • 20mai

    Jazz em Paraty

    Eumir Deodato, Rosa Passos e Thiago Espírito Santo são alguns dos artistas que se apresentam na Praça da Matriz, em Paraty, para as três noites de jazz, blues e soul do Bourbon Festival, até dia 22. Tudo grátis; bit.ly/viabourbon

  • 21mai

    festival Ver-o-Peso no Pará

    A atual culinária mais badalada do Brasil é celebrada em Belém no Festival Ver-o-Peso da Cozinha Paraense, batizado com o nome do mercado público. Até o dia 29, tem aulas, jantares com chefs e mais; bit.ly/viaveropeso