Seth Kugel/NYT
Seth Kugel/NYT

Ozark revela cenário desconhecido do interior dos EUA

Na série da Netflix, consultor financeiro se muda com a família para região conhecida pelas trilhas, montanhas e lagos

O Estado de S.Paulo

01 Agosto 2017 | 04h50

A série da Netflix que estreou dia 21 tem como cenário a região montanhosa conhecida como The Ozarks, entre os Estados norte-americanos de Missouri e Arkansas. “Eu nunca havia visitado essa região, mas é um destino de viagem bem conhecido dos americanos”, explica o produtor de locações da série, Patrick Rofoli, em entrevista ao Estado

Gravada ao longo de 14 meses, a série conta a saga do consultor financeiro Marty Bryrde (Jason Bateman), que lava dinheiro para um dos maiores cartéis de drogas do México. Ao se ver ameaçado, ele decide tirar a família de Chicago e se mudar para a pequena Ozark, no Missouri. O drama tem uma tensão à la Breaking Bad e vem recebendo boas críticas. 

Rofoli explica que não teve muito tempo para curtir as principais atrações por causa da rotina de filmagem, mas elogiou a cidade (“muito graciosa”) e destacou alguns pontos cruciais. Embora o nome da cidadezinha esteja no título da produção, a maior parte das filmagens não foram feitas ali, mas na Georgia. 

Ainda assim, segundo Rofoli, o local mais importante para um fã visitar em Ozark é Bagnell Dam Strip, uma locação central da série. A área histórica, construída entre 1929 e 1931, remete à criação do próprio Lake Ozark, um lago artificial de 55 mil acres. Bagnell Damm conta com alguns bares, lojas e, vez ou outra, abriga festivais e eventos. Mas o maior destaque é mesmo a vista.

Melhor mesmo é investir em uma road trip pela região. Explore as atividades aquáticas ao redor do lago e, depois, corra para as colinas. Isso porque as paisagens mais bonitas ficam depois da divisa com o Arkansas, em áreas montanhosas como Ozarks National Forests, onde é possível fazer trilhas, andar a cavalo, acampar, pescar. 

Na Georgia, Rofoli destaca os lagos Lanier e Allatoona, que foram usados nas locações – e, segundo Rofoli adiantou, voltarão a aparecer na segunda temporada. Assim como o Lake Ozark, o Lanier é um lago artificial, perfeito para a prática de esportes aquáticos. Já o Allatoona é bastante procurado para camping.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.