Terminal B

FRANÇA 1

O Estado de S.Paulo

20 Abril 2010 | 02h45

Prove a baguete

campeã

Fica na Rue des Abbesses, ali pela base da colina onde se ergue a Basílica do Sacré Coeur, em Montmartre, a padaria que faz a melhor baguete de Paris. A Le Grenier à Pain Abbesses, no número 38, acaba de vencer o Grande Prêmio da Baguete, realizado anualmente pelo governo da capital francesa. Depois de avaliarem sabor, textura e outros atributos de 160 candidatas, os jurados elegeram a receita do senegalês Djibril Bodian. Além de receber o prêmio no valor de 4 mil, ele foi nomeado "padeiro do presidente": durante um ano, sairão dos fornos de Bodian os pães servidos na casa de Nicholas Sarkozy. Sorte do presidente, que não precisará encarar a fila que se forma na padaria desde o anúncio do resultado.

FRANÇA 2

Cidade Luz com

filmes brasileiros

Já tradicional em Paris, o Festival do Cinema Brasileiro vai de 5 a 11 de maio. Na programação deste ano, homenagem a Chico Buarque com longas baseados em obras do cantor e escritor (como Benjamin e Budapeste). A sala Le Nouveau Latina, que abriga o festival, fica na Rua du Temple, 20, no Marais (ótimo para um vinho ou café depois da mostra). Ingressos custam entre 4 e 8. Mais: festivaldecinemabresilienparis.com.

ITÁLIA

Retratos do cineasta quando jovem

Mais de 200 fotos feitas por Stanley Kubrick, o cineasta de 2001, Uma Odisseia no Espaço e Laranja Mecânica, então com apenas 17 anos, compõem a exposição inédita no Palazzo della Ragione, em Milão. As imagens foram feitas por Kubrick para a revista Look, na qual ele retratava o cotidiano da Nova York pós-guerras por meio dos personagens da metrópole.

AÉREO

Ryanair não poderá

cobrar pelo banheiro

Parece ter ido por água abaixo a cobrança de 1 pelo uso de banheiros a bordo dos voos da Ryanair. O governo dos Estados Unidos desaprovou a ideia e a Boeing se recusou a adaptar aeronaves "por razões de segurança". A empresa aérea queria deixar apenas um toalete em cada avião e acrescentar seis poltronas. O CEO da Ryanair, Michael O"Leary, vai tentar emplacar a proposta na Bélgica.

MÉXICO

País aceitará visto americano

O México vai aceitar o visto dos Estados Unidos para permitir o acesso de estrangeiros ao seu território. A decisão, válida a partir de 1º de maio, foi anunciada na semana passada pela comissária do Instituto Nacional de Migración, Cecília Romero. O objetivo, disse a comissária, é facilitar o fluxo de turistas no país. O visto americano será válido para permanência de até seis meses no México.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.