As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

5 sinais de que você está preparado para viajar sozinho

amandanoventa

22 Junho 2015 | 08h45

viajar-amanda-viaja

Viajar sozinho não é para todos. E também não dá para você pegar sua mala e sair por aí sem nem pensar. A viagem pode ser ruim, chata ou você pode chegar lá, se sentir sozinho e achar que essa história que te contaram de que “viajar sozinho é bom” é um exagero.

Eu acho viajar sozinho maravilhoso. Uma experiência de viagem que pode ser muito mais intensa do que viajar acompanhado. E eu quero que você sinta isso também. Mas é necessário fazer algumas reflexões e colocar alguns exercícios em prática antes de viajar. Analisar se você realmente está preparado para esse tipo de viagem para não chegar lá e se decepcionar. Veja se você está pronto:

1. Você já fez o teste


O primeiro conselho que dou a quem pretende viajar sozinho pela primeira vez é fazer um teste antes. O teste pode ser uma pequena viagem de um dia sozinho perto de casa, ou sair para jantar, ir ao cinema e fazer coisas que geralmente você não faz sozinho. Isso serve para se auto avaliar e ver como se sente e se comporta nessas situações, perceber se realmente está preparado para ir a um lugar mais longe e por mais tempo sozinho. Teste feito e resultado positivo, você pode continuar em frente com o seu plano.

Se você já mora sozinho, fica mais fácil. Um dos maiores medos e problemas de quem viaja sozinho é chegar lá e se sentir solitário. E isso é super comum de acontecer, até mesmo para quem está acostumado a viver sozinho no dia-a-dia. A diferença é que quando você está acostumado a viver sozinho, mesmo que se sinta solitário durante a viagem, você saberá como contornar a situação.

2. Você já se planejou com cuidado

Se planejar para uma viagem sozinho é até mais importante do que para uma viagem acompanhado. Fazer um bom planejamento faz com que você se sinta e esteja mais seguro. É importante estudar sobre o lugar que você está indo, a segurança, como é a recepção para turistas, costumes do lugar, etc. Leia bastante e compre um guia do lugar. Principalmente se é uma viagem envolvendo esportes (trilhas, escaladas, surf…). Chris MacCandless, o “herói” do livro e filme ‘Na natureza Selvagem’ morreu durante a sua viagem basicamente por falta de planejamento e preparo. Não sabia nada sobre o lugar onde estava indo, não estava preparado para os desafios do inverno, não sabia como conseguir comida ou como sobreviver naquele lugar. Fazer uma viagem sozinho pela primeira vez é uma grande aventura; e se planejar para isso não tira a graça da viagem.

3. Você gosta de conhecer coisas novas e não se importa em sair da sua zona de conforto

Isso é importante principalmente para não achar a sua viagem chata. Porque viajar é principalmente sobre conhecer coisas, pessoas, culturas e fazer coisas diferentes do que estamos acostumados. É isso que faz de uma viagem especial como ela deve ser. Se você não quer ter contato com o diferente, é melhor ficar em casa, esperando a vida bater na porta do que viajar sozinho.

4. Se você sabe se cuidar, se virar sozinho

Ficou doente? Já sabe como faz para se cuidar. Fome? Sabe se virar para encontrar ou fazer comida. Todas as roupas da mala estão sujas? Já sabe como lavar. Além disso, sabe conversar com as pessoas e se comunicar – e não estou falando do idioma. Mas de toda a educação e maneira de falar que são necessários durante uma viagem (e sempre). Chegar lá sendo rude com as pessoas não vai te levar a lugar algum…

5. Se você gosta de ficar sozinho

Se você gosta de ficar sozinho, 50% da sua solo trip está resolvida – os outros 50% são os itens anteriores. É importante que você se sinta confortável com a sua própria companhia. Pergunte a si mesmo: “Eu me sinto confortável sozinho?”. Se a resposta for sim, há grandes chances de que você vá adorar viajar sozinho. Do contrário, melhor continuar fazendo os testes que citei lá no item 1 até se acostumar com a situação. Christopher McCandless também disse que “A felicidade só é real quando compartilhada”. É esse cara que você NÃO pode ser quando viaja sozinho. Para fazer uma viagem dessas, você tem que ser aquele cara que diz: “A felicidade é real porque consigo ser feliz em qualquer situação. Mesmo quando estou sozinho”.

Acompanhe as aventuras da Amanda através do Facebook em Amanda Viaja e pelo Instagram @amandanoventa.

 

Foto: Livia Abrarpour

Mais conteúdo sobre:

amanda viajaviajar sozinho