As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Não vou viajar. Vou ficar assistindo Netflix.

amandanoventa

21 Março 2016 | 08h53

Viajar é caro, o dólar está alto e assim tenho notado um movimento de pessoas que não viajarão no próximo feriado, mas estão confortáveis com a situação de ficar em casa assistindo Netflix. Eu me incluo nessa turma.

No último carnaval foi assim. Se você me perguntar qual foi a melhor bunda sambando na Sapucaí ou o melhor bloquinho de São Paulo eu não saberei responder. Mas me pergunte qualquer coisa sobre Harvey Specter da série Suits que responderei.

Não vou dizer que a culpa não bate de vez em quando. Netflix tem tomado o meu tempo de ler, de estudar e, se a série for boa, até de trabalhar. Mas tenho tentado me lembrar da MTV em seus tempos áureos com uma vinheta que dizia “desligue a TV e vá ler um livro”. Dizem que o Netflix faz o mesmo, te manda passear depois de muito tempo assistindo. Mas como parece que isso acontece somente após 18 horas ligado, não posso te dar certeza. Eu tenho parado bem antes disso e recomendo que você faça o mesmo.

Entre um episódio e outro, ler um livro faz bem e continua sendo a forma mais barata de viajar. Mas se você quiser sair do feriado com a impressão de que foi bem aproveitado, melhor partir para uma ação radical: paraquedas, rafting, asa delta, kayaking e tantas outras aventuras que você pode viver sem ir muito para longe de casa.


E se você gosta de viajar mas não vai ser dessa vez, só é permitido ficar assistindo Netflix se estiver com alguma viagem programada mais pra frente. A minha estratégia para fugir dos preços altos é viajar logo depois de feriados, ou antes. Emendar férias com feriado também é bom porque rende mais – você ganha tempo e economiza dinheiro.

Nunca se ouviu falar de um louco que tenha trocado uma viagem por Netflix. As temporadas da vida real continuam sendo mais interessantes.

Acompanhe as aventuras de Amanda através do Facebook em Amanda Viaja ou pelo Instagram @amandanoventa.

 

Posts relacionados:

O que fazer quando você não pode viajar

Mais conteúdo sobre:

amanda viajaferiadonetflixviajar