Bolsa de estudos em Montréal com permissão de trabalho: veja como concorrer

Bolsa de estudos em Montréal com permissão de trabalho: veja como concorrer

College dá 10 mil dólares canadenses de desconto para brasileiros. Com dois anos de duração, graduações dão direito a trabalhar no Canadá

Nathalia Molina

11 de janeiro de 2021 | 18h16

O Trebas Institute, em Montréal, está oferecendo uma bolsa de estudos para brasileiros no valor de 10 mil dólares canadenses. O benefício é válido no college do Canadá para os cursos E-Commerce & Online Business Management (Gerenciamento de Negócios Online e Ecommerce) e Audio & Video Post-Production (Pós-Produção de Áudio e Vídeo).

Nesse cursos, com dois anos de duração cada, os alunos são elegíveis ao visto de trabalho no Canadá por até três anos após a conclusão dos estudos, chamado em inglês de Post-Graduation Work Permit (PGWP). O estudante pode levar a família para acompanhá-lo. Seu marido ou sua mulher tem direito a trabalhar em período integral, e os filhos podem se matricular em escolas públicas gratuitas a partir da idade indicada para estudo (em torno de cinco anos).

Para se matricular no programa, antes do embarque, o aluno tem de pagar uma taxa de 250 dólares canadenses e 25% do valor total do primeiro ano de curso. O restante pode ser parcelado e pago no Canadá, segundo informa a Seda Intercâmbios, agência responsável pelo programa no país.

__________

Acompanhe mais sobre Canadá no meu instagram: @ComoViaja

__________

Após deduzida a bolsa de estudos, o curso E-commerce & Online Business Management custa 9 mil dólares canadenses por ano, e o Audio & Video Post-Production, de 11 mil dólares canadenses por ano.

Cursos no Trebas Institute, em Montréal, têm bolsa de estudos para brasileiros – Foto: Seda Intercâmbios/Divulgação

O college, existente desde 1979, está localizado na área central da cidade, perto da estação de metrô McGill. O estudante tem de dominar inglês ou francês, línguas oficiais do Canadá, nas quais são dadas as aulas no Trebas Institute. Mas não é exigido teste de proficiência. Os interessados fazem uma prova online e uma entrevista.

São quatro turmas por ano, com inícios previstos para 25 de janeiro, 12 de abril, 5 de julho e 27 de setembro. As inscrições para as bolsas vão até 31 de janeiro. Informações: https://lp.sedaintercambios.com.br/trebas-institute.


* Nathalia Molina é jornalista de viagem e especialista em Canadá. Também escreve o Como Viaja, com dicas e experiências no Brasil e no exterior

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.