Feira de intercâmbio EduExpo passa por sete cidades no Brasil

Feira de intercâmbio EduExpo passa por sete cidades no Brasil

A EduExpo Brasil 2018, feira de intercâmbio, é realizada em sete cidades brasileiras em março; entre elas, São Paulo e Rio de Janeiro. A capital paulista recebe o evento neste fim de semana, 17 e 18 de março. O público carioca pode conferir as novidades na terça, 20 de março. Representantes de instituições internacionais tiram dúvidas sobre cursos, visto, preço e acomodação

Nathalia Molina

16 Março 2018 | 10h38

Março é um mês movimentado na área de intercâmbio. Sete cidades recebem neste mês a EduExpo Brasil 2018, feira de intercâmbio, com representantes de instituições internacionais. Há 13 anos o Canadá é o país mais procurado por brasileiros para estudar no exterior, de acordo com dados da Pesquisa de Mercado Selo Belta.

Toronto (na província de Ontario) e Vancouver (em British Columbia) são os destinos de intercâmbio mais procurados por brasileiros para estudar no país.

  • Leia sobre as feiras de setembro em oito cidades do Brasil: EduExpo e EduCanada (promovida pelo governo do Canadá)
  • Se você pretende fazer intercâmbio no Canadá, leia os textos da série que eu escrevi aqui com informações para você se planejar para estudar lá
  • Para planejar sua viagem para a maior cidade do Canadá, leia a série completa que escrevi com textos sobre o que fazer em Toronto

Além disso, a feira é uma ótima oportunidade para obter informações sobre diferentes programas: além de idiomas, opções para graduação, pós-graduação e MBA no exterior. Na EduExpo Brasil, é possível tirar dúvidas sobre todas as etapas do intercâmbio, do planejamento à possibilidade de trabalhar enquanto se estuda — o Canadá está entre os países onde isso é possível, em certos cursos.

Visto de estudante, acomodação e bolsas de estudo são outros assuntos abordados. Outros destinos que trazem representantes de instituições ao Brasil são Estados Unidos, África do Sul, Austrália, Nova Zelândia, Inglaterra, Alemanha, França, Itália, Espanha, China, Japão e Rússia.


Hoje tem evento em Campinas e, no próximo fim de semana (17 e 18 de março), em São Paulo. Na terça da seguinte (20 de março), chega ao Rio de Janeiro. A feira também passa por Brasília (14 de março), Curitiba (22 de março), Porto Alegre (24 de março) e Florianópolis (26 de março).

EduCanada, tudo sobre o Canadá para intercâmbio – Foto: EduCanada/Divulgação

Universidades e escolas canadenses

Especificamente sobre o Canadá, entre os expositores estão o governo canadense e diversas instituições da província de Ontario — entre elas, o Algonquin College (em Ottawa, a capital do Canadá), o Niagara College Canada (em Welland), o St Clair College (em Windsor), o Loyalist College (em Belleville), o Saint Lawrence College (em Brockville, Cornwall e Kingston), o Sheridan College (em Oakville) e o Seneca College (em North York).

Da costa oeste do país, vêm a Vancouver Film School, o New York Institute of Technology (campus de Vancouver), inlingua Vancouver e a ILAC – International Language Academy of Canada (que também tem escola em Toronto). Há também representantes de instituições de Montreal, como a McGill University, a Université du Québec à Montréal – École de langues e a Polytechnique Montréal. Também da província francesa de Quebec estão presentes na feira os Cégeps du Québec (em várias cidades) e o Cégep Limoilou (na cidade de Quebec).

Palestras sobre intercâmbio no Canadá

Na feira em São Paulo tem palestra sobre intercâmbio de francês no Canadá (no sábado 17 de março, às 18h30) e sobre tipos de vistos de estudante (no dia seguinte, no mesmo horário). No Rio de Janeiro, onde o evento é realizado em 20 de março, a palestra sobre vistos ocorre às 20h30. Duas horas antes, o seminário trata das oportunidades que o Canadá tem a oferecer. A palestra com esse tema também é realizada em Curitiba (22 de março, às 20h30), Porto Alegre (24 de março, às 18h30) e Florianópolis (26 de março, às 17h10).

Para ver a lista de seminários e expositores por cidade — atenção porque a relação de participantes muda de uma para outra —, acesse o site ou use o aplicativo oficial, Edufindme. Não se paga para entrar, mas é indicado se cadastrar no site para agilizar o ingresso no evento.


* Nathalia Molina é jornalista de viagem e especialista em Canadá. Também escreve o Como Viaja, com dicas e experiências no Brasil e no exterior. Acompanhe pelo instagram @ComoViaja, pelo facebook/ComoViaja e pelo canal do Como Viaja no YouTube