Viagem ao Canadá e covid: vacinas, PCR e regras para a entrada no país

Viagem ao Canadá e covid: vacinas, PCR e regras para a entrada no país

Brasileiros vacinados podem viajar para o Canadá e preenchem formulário online ArriveCAN. Exame é exigido antes da viagem e pode ser feito na chegada

Nathalia Molina

12 de janeiro de 2022 | 13h43

Planejar uma viagem ao Canadá na era covid inclui estar por dentro de regras e restrições de entrada no país. E, como em todo lugar, elas mudam frequentemente. A pergunta que mais me fizeram pelo Instagram @ComoViaja durante a pandemia foi ‘Quando o Canadá vai aceitar a Coronavac?’. O país vetou o imunizante da Sinovac durante meses. Mas ele finalmente é aceito desde 30 de novembro de 2021 para fazer turismo no país.

Para te ajudar a se preparar para uma viagem ao Canadá, como eu estou fazendo agora para ir às províncias de Alberta e Québec, segue abaixo um passo a passo das regras a cumprir; entre elas, o preenchimento do formulário online ArriveCAN, com informações sobre sua saúde e dados da viagem. Durante seu planejamento, confira também guias gratuitos completos de Toronto, Montréal e Vancouver e ouça o programa Canadá: dicas das principais cidades para turismo no Como Viaja | podcast de viagem.

Toronto é o principal destino visitado por brasileiros no Canadá – Foto: Toronto Tourism/Divulgação

Visto canadense e eTA Canada

Eu mesma estou cumprindo esse roteiro com as regras de entrada no Canadá agora, momento em que me preparo para embarcar novamente para lá no meio deste janeiro. Já estive no país muitas vezes, e sempre me aporrinhou ter de tirar visto canadense, o que eu tive de fazer antes de algumas viagens. Eu particularmente odeio burocracia e pedidos que envolvem formulários e papelada em geral; ainda bem que agora ele ainda está válido.

Mas é bom lembrar que: se você atualmente tem um visto americano válido ou teve emitido um visto do Canadá nos últimos 10 anos, você pode pedir o eTA Canada, isenção de visto canadense mediante o preenchimento de um pedido feito online para o governo do país.

No ArriveCAN, você inclui todas as informações sobre sua saúde e dados da viagem

A pandemia, no entanto, acrescentou mais burocracia às viagens internacionais, com exames de covid e formulários de saúde, na tentativa de segurar a propagação do vírus de país para país. No Canadá, isso não seria diferente. Vamos então às exigências que você deve cumprir para viajar para lá; claro que a primeira é não estar com sintomas de contaminação. Segue o passo a passo:

Imunização completa e comprovante de vacinação

Brasileiros 100% vacinados podem viajar para o Canadá. São aceitas todas as vacinas aplicadas no Brasil, desde que a vacinação completa tenha ocorrido há mais de 15 dias contados no calendário.

Quem recebeu Janssen tem de ter pelo menos 1 dose. Para Coronavac, AstraZeneca (incluindo a Covishield) e Pfizer, são exigidas as 2 doses – o país aceita 2 doses de vacinas diferentes. Se você já teve covid, mas não completou ainda o ciclo vacinal tem de esperar para estar 100% imunizado, com todas as doses exigidas descritas aqui.

O comprovante de vacinação tem de estar em inglês ou francês – veja como emitir o comprovante de vacinação para viagens internacionais – e deve ser apresentado em papel ou no celular no embarque e na chegada ao Canadá. Você também tem de fazer upload desse comprovante no ArriveCAN, formulário online que eu detalho num dos itens abaixo.

Você informa que vacina contra covid tomou e quando foram aplicadas as doses

Exame PCR para viagem internacional

Todos os viajantes com 5 anos ou mais têm de fazer um exame PCR e apresenta resultado negativo para covid ou apresentar um PCR positivo realizado de 10 a 180 dias antes do embarque (até 15 de janeiro, é de 14 a 180 dias antes). Não são aceitos testes de antígeno rápidos.

Para quem precisa apresentar o resultado negativo para embarcar para o Canadá, o exame PCR tem de ser feito no máximo com 72 horas de antecedência em relação ao horário do voo para o país.

Em qualquer um dos casos, o resultado também tem de ser incluído no ArriveCAN.

Teste na chegada, caso seja escolhido

Mesmo 100% vacinado, qualquer viajante que entre no Canadá por terra ou por meio de um voo pode ser aleatoriamente escolhido para fazer um exame de covid na chegada ao país. Não se paga por essa testagem e ficam fora dela viajantes que comprovaram que tiveram covid antes, crianças com menos de 5 anos e turistas que chegam de barco.

Você informa que sabe que pode ser escolhido para testagem na chegada

Plano de quarentena até o resultado e para possível isolamento

Se você for escolhido para a testagem na chegada, não precisa ficar no aeroporto de desembarque aguardando o resultado, desde que o funcionário canadense entenda que você tem um plano de quarentena aceitável. Ou seja, você informe onde vai se manter isolado esperando o resultado e onde vai seguir assim por 10 dias se o exame der positivo.

Você pode continuar a viagem até o lugar onde vai aguardar o resultado, podendo pegar conexões aéreas se forem necessárias.

Formulário online ArriveCAN

Você pode usar o formulário pelo computador entrando no site oficial ou pode fazer download do app para iOS ou Android. Os links para todas essas possibilidades de criar sua conta estão na página do ArriveCAN. Importante: o questionário online deve ser preenchido no máximo 72 horas antes da chegada ao Canadá. Você tem de subir no ArriveCAN documentos como o passaporte e o comprovante de vacinação.

A primeira pergunta do formulário se refere ao motivo da viagem; por exemplo, turismo, negócios e intercâmbio. Depois você confirma que entende que pode ser escolhido aleatoriamente para ser testado na chegada ao Canadá. O governo canadense recomenda que os viajantes preencham o formulário de testagem antecipadamente, pela internet, para agilizar o processo, caso sejam chamados para testagem.

No questionário online, você responde a forma de viagem ao Canadá

Na terceira página, você responde como vai entrar no Canadá: avião; carro, ônibus ou trem; e cruzeiro. Se a resposta for por voo (meu caso), você é encaminhado para preencher os seguintes dados: país de partida, aeroporto de chegada, companhia aérea, número do voo, data e hora da chegada.

* Sou jornalista de turismo há mais de 20 anos. Escrevo o Como Viaja e apresento o Como Viaja | podcast de viagem, com dicas e experiências no Brasil e no exterior, ao lado de Fernando Victorino, também jornalista e locutor. Acompanhe mais novidades e curiosidades no Instagram @ComoViaja

Mais conteúdo sobre:

CanadáAméricasbásico de Américas

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.