Belmond reabre hotéis no Brasil com novidades

Belmond reabre hotéis no Brasil com novidades

Mari Campos

16 de outubro de 2020 | 14h49

Setembro e outubro estão sendo meses de importantes reaberturas na hotelaria brasileira. Seguimos lidando com a pandemia e números ainda altíssimos de vítimas todos os dias, mas pouco a pouco muita gente está começando a retomar suas viagens, buscando opções seguras no turismo doméstico para suas primeiras escapadas nesses tempos.

Acompanhe a Mari Campos também no instagram

A maioria, como já contei aqui, investindo sobretudo em propriedades que fizeram um grande trabalho ao desenvolver protocolos verdadeiramente seguros para esses tempos de pandemia (do serviço do café da manhã à higienização dos quartos) localizadas em geral em distâncias razoáveis para fazer de carro, desde sua própria casa.

Dentre as reaberturas mais importantes na hotelaria brasileira, estão dois dos nossos ícones na hotelaria internacional: os premiados Belmond Hotel das Cataratas, em Foz do Iguaçu, e Belmond Copacabana Palace, no Rio de Janeiro. Dois hotéis que eu adoro, pelo serviço, pelas instalações e pela história de cada um. O Belmond Hotel das Cataratas, aliás, acaba de ser eleito pelo Readers’ Choice Awards da Condé Nast Traveler americana como um dos melhores hotéis da América do Sul – e eu sou realmente muito fã da propriedade.

.

Leia também: Vale a pena tirar férias em plena pandemia?

.

Foto: Mari Campos

.

De cara para as cataratas mais bonitas do mundo

Único hotel instalado dentro do Parque Nacional, literalmente de cara para as Cataratas do Iguaçu, o Belmond Hotel das Cataratas garante aos seus hóspedes acesso liberado dia e noite, 24 horas, a essa maravilha da natureza – basta o hóspede “atravessar a rua” em frente ao hotel para em um par de minutos chegar até elas. Ter a chance de ver o amanhecer, o sol se por ou o chamado “arco-íris prateado” (que se forma diante das águas nas noites de lua cheia) sem a presença de outros turistas no local é algo realmente digno de nota. Fiz questão de fazer isso todos os dias da minha hospedagem, conforme já contei aqui. De 19 quartos do hotel, é possível ver as cataratas até mesmo da sua própria varanda ou janela.

Com quartos espaçosos, amenidades caprichadas e mini-bar incluído nas diárias, o hotel sempre foi um programão. E agora na reabertura criou também novas atividades e serviços bem bolados – além de obviamente novos protocolos para garantir a segurança de todos. Um dos destaques é o novo aplicativo Belmond, garantindo acesso constante à equipe do hotel sem necessidade de contato, como check-in antecipado, reservas diversas e chat em tempo real com a equipe.

SAIBA MAIS sobre hotelaria em tempos de pandemia.

.

Atualmente, as refeições estão sendo todas servidas em modo à la carte no restaurante Itaipu, mas algumas possibilidades de refeições ao ar livre foram criadas, como o Sunset Cocktail ao pôr do sol (com vista para as cataratas, é claro) e o Picnic no belo gramado em frente às Cataratas.

Também para aproveitar os 185 mil hectares de floresta tropical que rodeiam o hotel, além das muitas trilhas disponíveis gratuitamente e do empréstimo de bicicletas, o hotel criou as Nature Therapy, que reúnem experiências ao ar livre (cobradas à parte) em caminhadas, yoga e esportes de aventura. O Parque das Aves, que continua fechado para visitação pública em geral, abre de manhã cedinho somente para os hóspedes do hotel fazerem a tradicional Morning Walk.

Saiba tudo sobre o Belmond Hotel das Cataratas aqui.

.

 

Foto: Mari Campos

Clássico carioca

A outra propriedade do grupo Belmond no Brasil, o mais famoso hotel do Rio de Janeiro, também está de portas reabertas.  O clássico carioca Belmond Copacabana Palace celebra 97 anos de abertura com novas medidas de segurança e higiene e também fazendo uso do novo aplicativo Belmond.

Único hotel no país com dois restaurantes estrelados no Michelin (Cipriani e MEE), o hotel já reabriu também as portas para o público geral de todos os seus serviços de alimentação e bebidas, incluindo o delicioso Pérgula, à beira da piscina mais famosa da cidade. O clássico café da manhã do Pérgula passou a ter apenas serviço à la carte.

Durante os meses nos quais o hotel esteve fechado no começo da pandemia (único fechamento em seus 97 anos de funcionamento), o Copa se associou a diferentes iniciativas sociais, doando alimentos, itens de higiene e beleza, vestuário e cama, mesa e banho.

Saiba tudo sobre o Belmond Copacabana Palace aqui 

.

E não esqueça: se você já se sente seguro para retomar as suas viagens, seja cuidadoso na escolha da sua acomodação e zele sempre pela sua segurança e a segurança dos demais hóspedes e funcionários do hotel.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.