Espanha reabre para brasileiros vacinados e aceita Coronavac também
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Espanha reabre para brasileiros vacinados e aceita Coronavac também

Valem todos os imunizantes aplicados no Brasil. Aumenta a lista de países abertos para viajantes do Brasil, que já tem Alemanha, França, Suíça e Canadá

Viagem Estadão

23 de agosto de 2021 | 20h37

Por Nathalia Molina*

Agora é a Espanha que reabre para brasileiros vacinados totalmente, engrossando a lista de países abertos sem exigência de quarentena para quem apresenta a imunização completa, com duas doses ou a dose única. A nova regra entra em vigor amanhã, 24 de agosto. No início do mês, o país da Europa havia anunciado a autorização para viagem de estudantes de longa duração.

Desde o fim de junho, Alemanha, França, Suíça e Canadá já aprovaram a entrada de viajantes 100% vacinados. No caso da Espanha, assim como na Suíça, valem todas as vacinas aplicadas no Brasil. Isso porque o governo espanhol aceita todos os imunizantes aprovados pela União Europeia ou pela Organização Mundial da Saúde (OMS), o que inclui a Coronavac. Veja como emitir o comprovante de vacinação para viagens internacionais.

Espanha aceita brasileiros vacinados, também com Coronavac; na imagem, Madri – Foto: Turismo da Espanha

Na Alemanha, que anunciou ontem a reabertura para viajantes vacinados, os imunizantes têm de ser aceitos pelo Paul-Ehrlich-Instituts (PEI). Mas o instituto responsável pela aprovação de vacinas e medicamentos na Alemanha não emitiu parecer ainda sobre a vacina da chinesa Sinovac. A França aguarda a aprovação do imunizante pela Agência Europeia de Medicamentos (European Medicines Agency – EMA), agência reguladora da Europa, que já aceita Pfizer, Moderna, AstraZeneca e Janssen. O órgão começou em maio a analisar o imunizante da Sinovac, mas não divulgou seu parecer até o momento.

Espanha sem quarentena ou exame PCR

Os viajantes do Brasil autorizados a fazer turismo na Espanha não precisam cumprir quarentena tampouco apresentar exame PCR negativo. Para a viagem, é preciso esperar 14 dias após a imunização completa e preencher um formulário de controle sanitário (o sistema gera um QR code que deve ser mostrado no embarque e na chegada ao país europeu). O turista também tem de apresentar o comprovante de vacinação em espanhol.

No aeroporto de chegada à Espanha, a temperatura do viajante será medida, e a documentação, conferida. As autoridades sanitárias do país também podem decidir fazer um teste de antígeno.

A leitora Ana Maria Caroline me perguntou em relação à entrada de crianças. De acordo com informações do Turismo da Espanha no Brasil, menor de 12 anos não precisa estar vacinado nem realizar exame PCR. Apenas tem de estar acompanhado de um responsável – este adulto, sim, precisa estar imunizado contra a covid.

* Sou jornalista de turismo e apresento o Como Viaja | podcast de viagem, com dicas e experiências no Brasil e no exterior. Me acompanhe também no Instagram @ComoViaja para novidades e curiosidades

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.