Viagem à Suíça sem exigência de teste ou vacina, como antes da pandemia
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Viagem à Suíça sem exigência de teste ou vacina, como antes da pandemia

País europeu suspende todas as restrições a partir de 2 de maio. Viajante não precisa fazer teste de covid para voltar ao Brasil desde o início de maio

Viagem Estadão

27 de abril de 2022 | 13h58

Por Nathalia Molina*

A partir de 2 de maio, turistas do mundo todo podem entrar na Suíça sem apresentar qualquer teste ou vacina contra a covid, exatamente como viajavam antes da pandemia. No país, o uso de máscara também não é obrigatório em nenhuma parte.

Ao longo de 10 meses, a Suíça intensificou ou aliviou as restrições de viagem conforme o estágio em que se encontrava a pandemia. É bom ressaltar que, caso o viajante vá a outro destino na mesma viagem, deve verificar as regras em vigor para entrar no país seguinte.

Na Suíça, cidades charmosas como Lucerna – Foto: Nathalia Molina @ComoViaja

Sem teste de covid para voltar ao Brasil

Os países vêm gradualmente relaxando as exigências feitas a viajantes estrangeiros ou aos próprios cidadãos em retorno ao país de origem. Alguns, como México e Colômbia, exigem o preenchimento online de uma declaração de saúde. Para a viagem à Suíça, isso tampouco é pedido.

No retorno, desde o início de abril, brasileiros em viagem ao exterior não precisam mais fazer teste de covid antes de voar para o Brasil.

* Sou jornalista de turismo há mais de 20 anos. Escrevo o Como Viaja e apresento o Como Viaja | podcast de viagem, com dicas e experiências no Brasil e no exterior, ao lado de Fernando Victorino, também jornalista e locutor. Acompanhe mais novidades e curiosidades no Instagram @ComoViaja

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.