A elegância e a simplicidade da Costa Amalfitana

A elegância e a simplicidade da Costa Amalfitana

Karina Sell

09 Junho 2018 | 08h21

A Costa Amalfitana é um dos destinos de viagem mais famosos do mundo e por um bom motivo. Com suas cidades de ‘cor pastel’, praias pitorescas e vistas deslumbrantes sobre o mar Mediterrâneo, a região incorpora o significado perfeito da ‘dolce vita’ italiana e alcança o equilíbrio entre elegância e simplicidade.

Essa foi minha primeira viagem para essa bela região e devo confessar que mesmo depois de ter rodado pelo mundo todo (pelo menos 60 países) a Costa Amalfitana foi sem sombra de dúvidas o lugar mais romântico que já estive. E juro que não é exagero.

O roteiro foi Amalfi, Ravello, Positano, Capri e Sorrento, que são os destinos mais conhecidos ao longo da costa. Por estarem próximos, muitas pessoas optam por eleger um deles como base e apenas visitar os outros. Eu particularmente acho um desperdício, odeio essa obrigação de ter que fazer e ver tudo correndo para ir embora. Além disso, todos esses destinos possuem hotéis tão incríveis que seria impossível escolher apenas um.

Roteiro com todas as dicas aqui

Amalfi, a primeira parada na Costa Amalfitana
É a cidade que dá nome a toda a costa. Com monumentos que remontam à época romana e paisagem que a permitiram ser considerada patrimônio da Unesco. Os lugares mais interessantes de visitar são o centro histórico e a Catedral de St. Andrew.

Onde se hospedar – Hotel Santa Caterina
Construído no final do século XIX e imerso na bela paisagem da Costa Amalfitana, o Santa Caterina é rodeado pelo azul do mar e do céu, quebrado pelo colorido das flores do jardim e dos azulejos.

Membro da Leading hotels of the world, o hotel fica apenas 10 minutos à pé do centro da cidade de Amalfi. Nosso quarto era grande e ainda com uma varanda enorme com vista para o mar e Amalfi.

Mesmo estando no alto de um penhasco, o beach club do hotel tem acesso direto ao mar através de um elevador panorâmico. Ao anoitecer, o hotel fica ainda mais charmoso com velas espalhadas pelo restaurante e músicos tocando músicas italianas clássicas. Hospedado ou não no hotel, não deixe de jantar ali. Além do ambiente maravilhoso a comida é incrível. Foi certamente uma das melhores experiências da viagem.

A sensação é de estar em um filme romântico! Se você planeja uma lua de mel na Itália esse é o lugar perfeito!

Veja mais dicas de Amalfi aqui

lua de mel na Costa Amalfitana na Italiaonde ficar em AmalfiDe Nápoles para Costa Amalfitana de carro

Ravello
Ah, romance! Enquanto o Santa Caterina foi o hotel mais romântico da viagem, Ravello foi inquestionavelmente a cidade. Seu centrinho de Ravello é simplesmente impecável e apesar de pessoalmente achar o lugar mais bonito da Costa Amalfitana, também tive a impressão de ser menos movimentado que as outras cidades.

Não deixe de visitar a Villa Cimbrone e a Villa Rufollo. Ambas possuem uma vista espetacular da costa, com lindo jardim e estátuas. Como se não bastasse o perfume das flores, a Villa Rufollo tem música clássica ao fundo. É impossível não se emocionar!

Positano
Em Positano aproveite as praias como a Spiaggia Fornillo ou Spiaggia Grande e visite a Chiesa Santa Maria Assunta, com sua cúpula colorida de cerâmica. Para os mais aventureiros, recomendo a trilha que vai de Bomerano a Nocelle, dois vilarejos entre Amalfi e Positano. Nesse percurso também fica o Furore, popularmente conhecido como “vilarejo pintado” por causa de seus murais.

Capri
Um dos pontos mais altos de todo o roteiro pela Costa Amalffitana. Ficamos 3 noites só na ilha. Aproveitamos um dia todo para curtir nosso hotel o Capri Palace, no outro dia passeamos pela ilha e fomos para um beach club e no terceiro e último dia fizemos um passeio de barco ao redor da ilha.

Passear pelo centrinho de Capri é uma delícia, além de charmoso, você encontra lojas de qualquer que seja a marca que você deseja, italiana ou internacional. O melhor horário para conhecer o centrinho de Capri é no fim do dia, quando os turistas que vão de excursão para passar o dia vão embora e as ruas ficam menos movimentadas e com luzes e velinhas acessas.

Nos hospedamos no Capri Palace, um dos hotéis mais tradicionais da ilha e também membro da Leading hotels of the World. Com três restaurantes, sendo um deles com duas estrelas Michelin e outro com uma estrela. O hotel é todo voltado para arte. Só para terem idéia até a piscina do Capri Palace é foi desenhada especialmente para o hotel, feita de mosaico e com as laterais de vidro.

O spa do Capri Palace é um dos melhores spas da Europa, sendo o Leg school o tratamento mais famoso deles. Recomendado para doenças vasculares, formulado e patenteado pelo prof. Francesco Canonaco, já ficou tão reconhecido que é comum pessoas irem para o hotel em busca do tratamento, aberto mesmo para não hóspedes.

Outro lugar imperdível em Capri é o beach club e restaurante Il Riccio, do mesmo proprietário que o Capri Palace. A comida é espetacular, não deixe de experimentar o peixe no sal grosso, o prato mais conhecido deles.

Post completo com dicas de Capri

Costa amalfitana e capri na ItáliaBeach clubs e Restaurantes em CapriO que fazer em CapriOnde ficar em Capri

Sorrento
Perto de Nápoles e do Monte Vesúvio, Sorrento foi a última parada do nosso roteiro pela Costa Amafitana. A idéia era usar a cidade de base para conhecer Pompéia e ir para o aeroporto sem precisar dormir em Nápoles. Porém, o tempo não colaborou e acabamos não conhecendo Pompéia.

Nos hospedamos no Grand hotel Excelsior Vittoria, que foi fundado em 1834. Além das obras de artes de mármore, o hotel tem a melhor vista de Sorrento e com selo de qualidade e luxo da Leading Hotels. O Excelsior já hospedou diversos artistas e membros reais de vários países.

Nossa suíte era incrível, duplex com varanda, vista para o mar e para o Monte Vesúvio e ainda um belo pôr do sol. O restaurante Terrazza Bosquet, premiado com estrela Michelin, é outro ponto forte do hotel. Além da comida deliciosa, oferece um ambiente charmoso com vista para o Golfo de Nápoles e para o Monte Vesúvio.

Passeios em SorrentoMonte Vesúvio, Pompeia e SorrentoRoteiro Sorrento, Amalfi e Ravello