Aplicativo de saúde digital único é aprovado e deve acelerar abertura das fronteiras

Aplicativo de saúde digital único é aprovado e deve acelerar abertura das fronteiras

Karina Sell

30 de outubro de 2020 | 13h51

Eis que nossa esperança de voltar a viajar livremente pelo mundo se renova! Essa semana, um grupo de executivos viajou de Londres para os Estados Unidos para testar o CommonPass, um aplicativo de saúde digital que visa acelerar a abertura mais segura e rápida das fronteiras internacionais. O teste foi feito sob a observação do Disease Control and Prevention (CDC) e do U.S. Customs and Border Protection

O CommonPass estabelece um método padrão para que os resultados de laboratório e registros de vacinação sejam certificados em todas as fronteiras, substituindo o método atual de compartilhamento de resultados de teste COVID-19 em papel, que podem ser facilmente falsificados de laboratórios desconhecidos.

Os executivos que participaram do teste, baixaram o aplicativo, responderam às perguntas de triagem e fizeram um teste de COVID-19 no aeroporto. Um resultado de teste negativo gerou um passe digital de saúde por meio de um código QR, o que permitiu que eles embarcassem no voo em Londres.

A capacidade de verificar as informações de saúde de uma maneira segura e verificada permitirá que países e regiões abram fronteiras e reiniciem a indústria de viagens junto com a atividade econômica que vem com ela. disse O’Hara em nota à imprensa após o julgamento. O aplicativo de saúde digital CommonPass demonstra que temos meios de permitir viagens entre fronteiras mais seguras, dando aos governos confiança no status COVID-19 de cada viajante.

O presidente e CEO da US Travel Association, Roger Dow, disse: “Os países e as economias globais simplesmente não podem esperar que uma vacina COVID-19 seja amplamente distribuída para que as viagens internacionais sejam retomadas.

Fonte Travel Agent Central

 

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.