Tendências no turismo depois do Coronavírus

Tendências no turismo depois do Coronavírus

Karina Sell

02 de novembro de 2020 | 07h59

Depois de meses de isolamento e incerteza durante o lockdown, o meu desejo não só de sair de casa como fugir da cidade só aumentou. E parece que eu não sou a única. De acordo com pesquisas, o Covid-19 acelerou algumas tendências no turismo como viagens do tipo slow travel, viagens mais autênticas e também, viagens com decisões mais sustentáveis.

Viagens slow travel

As viagens do tipo slow travel oferecem uma reflexão em algumas práticas do turismo. De uma forma geral, o conceito é esquecer a idéia de visitar o máximo ou explorar o maior número de diferentes destinos em uma única viagem. Por exemplo, as conhecidas “euro trips” dariam lugar para viagens mais autênticas para apenas uma região em determinado país.

Uma boa forma, seria alugar um carro e conhecer uma região única, explorando sua essência. Nesse post tem uma excelente dica de slow travel  que eu fiz nos arredores do Lago Di Como, sem pressa nem obrigação de visitar todos os lugares. Nessa viagem, aluguei um carro com a Edel & Stark uma empresa de aluguel de carros de luxo com sede na Suíça mas que entrega e busca os carros na porta do seu hotel em diversos países da Europa, sem cobrar extra por isso.

Hotéis menores, autênticos e/ou imersos na natureza ou comunidade local 

Resorts, hotéis enormes ou redes hoteleiras padronizadas que já não eram mais preferência, perderão ainda mais espaço para hotéis menores. O viajante procura cada vez mais experiências mais autênticas e personalizadas, que são difíceis de serem encontradas em hotéis grandes. Além disso, a preocupação com a higiene e o alto fluxo de pessoas em um lugar também irá afetar escolhas durante uma viagem.

Uma sugestão são os hotéis membros da Small Luxury Hotels, uma comunidade de hotéis independentes que seguem alguns valores como vivências de carácter  não convencional, personalizado e que oferecem uma conexão cultural e/ou ambiental. Inclusive, o primeiro hotel que me hospedei depois do lockdown na Espanha, foi o Torre Del Marquês, um dos hotéis membros da SLH.

A propriedade de apenas 18 quartos, fica em uma área rodeada por montanhas em Aragão. Além da vista fantástica para a bela paisagem, outro destaque é tudo que aquela localização oferece. Por ali, há vinícolas, parques naturais e vilarejos cheios de charme. Um lugar perfeito para curtir uma viagem do tipo slow travel e se hospedar em um hotel pequeno e autêntico.

viagens depois do Covid-19

Turismo ecológico e sustentável para natureza 

Fugir dos grandes centros e focar em viagens para a natureza como a que eu fiz para o hotel em Aragão é uma das possibilidades. Porém, a consciêntização por decisões mais sustentáveis cresceu durante a pandemia e de acordo com  as pesquisas essas decisões também irão afetar no turismo. Por isso, além da busca por viagens para natureza, o turismo ecológico também deve crescer. E, com isso oferecer possibilidades de atividades com zero impacto ambiental ou ainda, de reconstrução do meio ambiente, conhecido como culti vacations.

 

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: