A moda agora é combinar idiomas e outras atividades

Algumas tentações: espanhol e esqui em Bariloche ou com mergulho em Cancún; italiano e ópera em Verona

Camila Anauate, O Estado de S.Paulo

17 Junho 2008 | 02h45

Estudar uma nova língua pode ser bem mais divertido do que você pensa. Ainda mais se o destino for França, Itália, Espanha ou China, e as aulas de idioma estiverem combinadas com classes de culinária, arte, design, esqui... Os programas de intercâmbio que unem estudo com as mais diferentes atividades estão em alta e atraem um público que quer aprender, mas também aproveitar ao máximo a viagem. O estudante Pablo Diaz, de 22 anos, embarcou nessa idéia e não se arrependeu. Ele passou um mês em Milão estudando italiano e aproveitou para praticar fotografia. ''Além de aprimorar meu italiano, aprendi mais sobre uma atividade que eu adoro, que é fotografar'', conta. Para Diaz, a experiência também foi importante para conhecer melhor a cultura italiana e adquirir um vocabulário específico. ''Valeu muito a pena.'' As opções no mercado são as mais variadas. Empresas do setor vendem cursos combinados para todos os continentes. Quem quer aprender espanhol pode ir para diversos países da América Latina ou para a Espanha e mesclar as aulas de idioma com tango, flamenco ou mergulho, por exemplo. Na França, as classes de francês pedem outras de gastronomia como complemento. E aprender inglês nos Estados Unidos, Inglaterra ou Oceania fica bem mais atraente com aulas de esqui ou golfe, não é mesmo? Para ajudar na escolha, separamos algumas sugestões. Confira, a diversão é garantida. PACOTES A escola Accord, em Paris, tem curso de francês com workshops temáticos sobre Direito. Por 595, de 15 a 26 de setembro. Na BEX, quatro semanas de curso de mandarim em Pequim, com acomodação em hotel e meia pensão, por US$ 1.914. O curso de pintura chinesa ou de tai chi custa mais US$ 144 por semana. A CI tem programa de espanhol em Bariloche com aulas de esqui. Quatro semanas de cursos com hospedagem em casa de família e café por US$ 2.015. A Connection Line tem programa de inglês na Califórnia combinado com aulas de golfe. Três semanas de curso custam US$ 2.595 e incluem acomodação em casa de família e meia pensão. A Experimento tem curso de espanhol com flamenco em Granada (Espanha) por 540 por semana. Com acomodação em casa de família e meia pensão. Na Friends in the World, quatro semanas de inglês em Malta, aulas de mergulho, acomodação em casa de família e meia pensão por US$ 1.906. A Kangaroo Tours tem programa de inglês em Whitianga, na Nova Zelândia, com gastronomia. Custa 1.695 dólares neozelandeses por semana. Italiano e ópera em Verona com a Pressto. Quatro semanas por 720. Na SIP, uma semana de espanhol em Cancún, com aulas de mergulho, acomodação em residência estudantil e café da manhã por US$ 937. A SIS tem programa de italiano em Florença com curso de arte, design e fotografia. São quatro semanas por 1.450. O STB tem quatro semanas de italiano em Roma, com arqueologia ou história da arte, por US$ 3.910. Inclui hospedagem em quarto individual.

Mais conteúdo sobre:
INTERCAMIO ESQUI OUTRAS ATIVIDADES

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.