Divulgação
Divulgação

Aeroportos de Nova York inauguram cabines para amamentação

Equipamentos têm 1,2 metro de largura por 2,4 metros de comprimento, sem janelas, e foram instalados em três terminais

Com The New York Times

08 Maio 2015 | 15h58

Quatro cabines para amamentação foram inauguradas ontem, 7 de maio, nos aeroportos de Nova York. Com 1,2 metro de largura e 2,4 metros de comprimento, os equipamentos têm dois bancos, portas que se fecham completamente e tomada para ligar bombas de extração de leite materno. Segundo a empresa Mamava, que projetou e construiu as cabines, o espaço é suficiente para abrigar uma família de quatro pessoas, com malas. 

Há uma cabine no aeroporto John F. Kennedy, duas no Newark e uma no La Guardia. Para localizar as cabines há um aplicativo da Mamava para iOS (opera em iPhones e iPads). A ferramenta para Android tem previsão de lançamento em julho. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.