As boas surpresas dos percursos W e O

Circuito W

O Estado de S.Paulo

31 Agosto 2010 | 03h23

Torres del Paine

Comece na trilha Torres del Paine, a mais difícil. Quando o sol nasce, reflete-se em tons de vermelho no horizonte. No caminho, mirantes e bosques onde se vê pica-paus.

Lago Nordenskjold

Com o degelo, sedimentos se acumulam no fundo do lago, dando às águas uma linda cor verde.

Los Cuernos

São três picos coloridos e pontiagudos, que chegam a 2.600 metros.

Vale Francês

Está encravado no Maciço Paine, de onde se vê lagos e glaciares.

Maciço Paine Grande

É o conjunto de montanhas mais alto do parque, a 3.050 metros do mar, composto por rochas em tons claros e negros. Os Cuernos del Paine fazem parte deste maciço

Glaciar Grey

Massa de gelo milenar com paredes de 45 metros de altura e 6 quilômetros de largura, faz parte do Campo de Hielo Sur, a terceira reserva mundial de água doce.

Lago Pehoe

Aos pés do Maciço Paine, o lago tem águas verdes e abriga as instalações do primeiro hotel do parque.

Circuito O

Dá a volta completa no parque. Também começa pela trilha que leva a Torres del Paine, mas no segundo dia segue pela direção oposta à do circuito W.

Camping Seron

Coloridos campos de margaridas acompanham a rota de 9 quilômetros até o camping. Orquídeas e violetas também podem ser vistas

Lago Dickson

Aqui nasce o Rio Paine, que circunda quase todo o parque e abastece os lagos Paine, Nordenskjold, Scottsberg e Pehoe.

Glaciar Los Perros

No caminho pelo bosque magalhânico à beira do Rio Los Perros, destacam-se os espessos musgos nos troncos e pedras e a ponte pênsil de onde dá para avistar a massa de gelo, que vai se estreitando até formar uma faixa.

Paso John Gardner

O percurso de 12 quilômetros até o mirante passa por terrenos pantanosos e áridos. Esse é o trecho mais difícil e encantador do circuito. A 1.200 metros de altitude, a vista alcança o Glaciar Grey e parte do Campo de Hielo Sur, a grande massa de gelo milenar.

 

 

Veja também:

 

linkSiga a trilha de blocos de gelo até chegar ao Glaciar Grey

 

linkMaravilha em reflexo

 

linkDois circuitos e muito desafio no trajeto para as torres

 

linkDescobertas de uma visita ao anoitecer

 

linkFAQ'S do Caribe

 

linkO lugar mais bonito do mundo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.