Colômbia, 3 cidades em 7 dias: é possível?

Vamos na "Semana do Saco Cheio" para a Colômbia. Temos 7 dias e queremos ir a Bogotá, Cartagena e San Andrés; pensamos em passar dois dias em cada cidade. Gostaria também de saber sobre o risco de furacões nesta época (Maria Ignez, São Paulo)

RICARDO , FREIRE, O Estado de S.Paulo

27 Agosto 2013 | 02h15

É muito corrido. Você consideraria ir a Recife, Natal e Fernando de Noronha com apenas uma semana disponível? Sempre tenha em mente que os dias de deslocamento, mesmo quando dentro de um mesmo país, são em grande parte perdidos (com check-out, ida ao aeroporto com antecedência, traslado do aeroporto ao novo hotel, check-in). Na prática, você teria dois dias numa das escalas, e no máximo um dia e meio nas outras duas. A Colômbia é muito longe para você ficar só no city tour.

Cartagena está fora da rota dos furacões; San Andrés não está, mas um furacão por lá é evento raríssimo. Atente, porém, que outubro é época chuvosa nos dois destinos (sobretudo em San Andrés). A época mais seca nos dois lugares vai de dezembro a abril.

Com sete dias de viagem, o ideal é escolher apenas duas escalas entre as três que você está cogitando. Devido às chuvas de outubro, eu recomendaria descartar San Andrés.

Em Bogotá, tire um dia inteiro para as atrações do Centro Histórico, como o Museu do Ouro, a Casa da Moeda, o Museu Botero e o Centro Cultural Gabriel García Márquez. No segundo dia, suba de teleférico ao Monserrate para a mais bela vista da cidade, e à tarde passeie pela Zona T (onde você pode voltar para a balada). No terceiro dia, pegue um passeio à Catedral de Sal, em Zipaquirá, a 45 quilômetros de distância.

Em Cartagena, hospede-se no centro histórico (a orla da cidade não tem graça). Monitore a previsão do tempo para se encaixar em passeios de barco às ilhas do Rosário, como Majagua, Barú e Ilha do Pirata. Nos dias nublados, explore a cidade murada, com seus belos museus (da Inquisição, do Ouro, Naval) e o imponente Castelo São Filipe de Barajas. As noites são animadíssimas, embaladas pela cumbia.

Caso você opte por combinar Cartagena e San Andrés, saiba que só a Copa tem voos diretos entre os dois destinos. O maior atrativo de San Andrés está sob a superfície do mar; todos os dias saem passeios de barco para mergulhar de snorkel ou cilindro em jardins de corais espalhados pelo arquipélago.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.