Corona
Corona

Compre agora, viaje depois: promoção estimula viagens pós-pandemia

Ação paga diária em hotéis no Brasil para viajantes. Outra campanha dá férias no Chile para profissionais de Saúde

Nathalia Molina, Especial para o Estado

14 de agosto de 2020 | 13h48

Profissionais da Saúde têm um papel fundamental durante esta pandemia, lutando pela vida de quem contrai a covid-19. Já as outras pessoas ajudam a combater a propagação do novo coronavírus se mantendo isoladas. Cada um colabora como pode ou com o que está a seu alcance. Pensando em recompensar o esforço de todos, há duas novas campanhas no setor de turismo: uma paga diárias em hotéis no Brasil para os viajantes e outra dá uma semana de acomodação no Chile para quem está na linha de frente na pandemia.

O projeto Redescubra o Paraíso, da cervejaria Corona, paga a primeira diária para quem comprar acomodação em cerca de 200 hotéis no Brasil. Com isso, os viajantes ajudam pousadas em destinos de natureza do País e podem viajar mais para frente - o voucher pode ser usado até 30 de novembro de 2021. Premiar profissionais de Saúde brasileiros com hospedagem e passeios no Chile é o foco da ação Obrigado, Heróis, do Viva Chile Club de Vinos. Essas não são as primeiras campanhas criadas envolvendo o setor de viagens. Iniciativas solidárias ajudam comunidades que vivem do turismo e plataformas online permitem a artesãos venderem enquanto os visitantes não voltam aos destinos, por exemplo.

Diária grátis em hotéis na natureza do Brasil

No projeto Redescubra o Paraíso, estão hotéis em praias do Nordeste (como a potiguar Pipa, a cearense Jericoacoara e a baiana Penísula de Maraú) e no litoral norte de São Paulo (por exemplo, em Ubatuba e São Sebastião). Funciona assim: o viajante encontra seu destino no site thisisliving.com.br, com cerca de 200 hotéis e pousadas do Brasil em lugares próximos da natureza. Quando faz uma compra, a partir de dois dias de hospedagem, a Corona paga pela primeira noite da acomodação. No total, serão 5 mil diárias de cortesia.

Participam empreendimentos de nove Estados: São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Bahia, Alagoas, Pernambuco, Ceará, Rio Grande do Norte e Goiás. No site da ação, é possível cadastrar um hotel para a próxima fase do projeto, com lançamento previsto para o fim de agosto.

Com isso, a Corona calcula um aporte financeiro de mais de R$ 4 milhões para o setor de turismo no Brasil. A empresa informa que, além de incentivar o setor de turismo no Brasil, segue as recomendações das organizações de saúde e autoridades locais, dando um prazo maior para as viagens. A acomodação pode ser agendada em qualquer época até novembro de 2021, exceto para feriados nacionais e datas comemorativas.

O projeto faz parte de uma iniciativa global da marca para contribuir com pequenos negócios de hotelaria e incentivar o setor do turismo, em mercados como Brasil, Canadá, Chile, Índia e Reino Unido. Serão em torno de 14 mil reservas em aproximadamente 1 mil hotéis pelo mundo.

Férias de graça no Chile para profissionais de Saúde

Na iniciativa Obrigado, Heróis, 500 profissionais, como médicos, enfermeiros e fisioterapeutas, que trabalham na linha de frente contra o novo coronavírus podem ganhar uma semana de hospedagem no Los Andes Club, no Chile, com direito a acompanhante. Promovida no Brasil pelo Viva Chile Club de Vinos, com sede em Florianópolis (SC), a premiação inclui ainda visitas a vinícolas, cassinos e estações de esqui, entre outros passeios.

Os interessados devem se inscrever a partir de 15 de agosto no site obrigadoherois.com.br. Os profissionais devem ter registro em órgãos e entidades brasileiras de Saúde e comprovar atuação direta no combate à covid-19. O benefício poderá ser usado em qualquer época, entre julho de 2021 e julho de 2023, conforme disponibilidade do hotel.

O empresário Hernán Herrera, proprietário do Viva Chile Club de Vinos e também de negócios de hotelaria no país sul-americano e aqui, já tinha feito uma ação semelhante no Chile, dando uma semana de hospedagem em seu hotel em Los Andes, cidade a cerca de 75 quilômetros de Santiago. Também é estudada a possibilidade de uma versão para a Argentina.

A empresa busca parceiros para conseguir aqui no Brasil beneficiar até 5 mil profissionais da área da Saúde. Isso ocorreu no Chile quando a ação, em poucos dias, a iniciativa recebeu em torno de 21 mil inscrições de interessados. Com o apoio de outras cinco empresas do setor hoteleiro, a oferta de hospedagem gratuita pode ser ampliada para 5 mil profissionais e suas famílias. Agências, operadoras, companhias aéreas, hotéis, restaurantes e atrações podem enviar uma email para souparte@obrigadoherois.com.br, se quiserem apoiar de alguma forma a ação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.