De boca aberta

As "bocas", nas bordas da barreira de corais na divisa com o oceano, são os pontos ideais para mergulho, com visibilidade de 25 metros, segundo Carlos Molina, instrutor da Aquatics Diving Center (adclosroques.com). A mais famosa é Boca de Cote, mas só com o snorkel, em Boca del Medio, vimos barracudas, arraias e formações de corais das mais lúdicas. Antes de chegarmos em Sebastopol (ótimo para kitesurfistas), a surpresa foi Boca de los Bobos: um berçário de pássaros em um mangue cercado de águas transparentes.

O Estado de S.Paulo

02 Outubro 2012 | 03h11

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.