Ariel Palácios/Estadão
Ariel Palácios/Estadão

Dicas para viajar à Europa sem gastar fortunas

Em tempos de dólar oscilante, escolha países da região leste do continente e invista em alternativas de hospedagem, alimentação e passeios

Pedro Pannunzio, Especial para o Estado

08 Novembro 2018 | 05h00

Viajar para a Europa em tempos de moedas oscilantes pode parecer bastante assustador. O dólar beirando a casa dos R$ 4 e o euro próximo dos R$ 4,50 intimidam muita gente a tirar do papel o sonho das férias no Velho Mundo. Mas segure o ânimo. Com um bom planejamento e a escolha certa dos destinos, é possível encaixar (parte) o continente no seu bolso.

Deixe de lado as cidades mais procuradas. Paris e Roma ficam para depois. Para curtir a Europa sem se endividar foque nos países do leste. A região respira história, tem paisagens lindas, uma rotina efervescente e um custo de vida muito mais em conta. O meu roteiro contemplou, em 25 dias, Alemanha, República Tcheca, Polônia, Hungria e Eslováquia. E meu gasto médio diário foi de 20 euros (ou R$ 80).

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.