Marcos Fuskum
Marcos Fuskum

Endereços para apreciar os sabores da conceituada escola nórdica

BERGEN - Os noruegueses fazem questão de comer bem - talvez por isso haja bons restaurantes espalhados por todo o país. Alesund, porto onde atracam os barcos que pescam bacalhau, é um ótimo destino para provar o pescado à moda local. O concorrido Sjobua (sjoebua.no), em um antigo armazém de pescados, e o Scandic (scandichotels.com), no hotel homônimo, estão entre os mais conceituados da cidade - espere gastar em ambos pelo menos 200 coroas norueguesas (R$ 75) por prato.

Bruno Ribeiro, O Estado de S.Paulo

01 Outubro 2013 | 02h22

A mesa norueguesa, contudo, tem muito mais além de bacalhau. Confira onde fazer uma imersão na culinária local.

Cornelius Seafood

cornelius-restaurant.no

É um dos mais famosos do país. Localizado em uma ilha particular na costa de Bergen, só é possível jantar ali com reservas. Os noruegueses, no verão, vão até lá com os próprios veleiros. "Nem todos os meus clientes têm barcos para vir para cá. Para eles, mandei instalar um heliporto", brinca o dono do restaurante, Alf Roald Saetre, sobre a sofisticação do lugar.

O freguês pode tanto se fartar em um show da cozinha molecular - com pratos preparados com gelo seco e gás carbônico. Ou ficar com as lagostas, escolhidas no aquário no centro do salão. Se quiser ostras, um dos garçons veste a roupa de mergulho e vai recolhê-las na hora, nos viveiros ao redor da ilha. O preço? Bem, é melhor ir com a carteira recheada.

Floien Folkerestaurant

bellevue-restauranter.no/floien-folkerestaurant

Uma das atrações mais famosas de Bergen é o bondinho que leva ao alto do Monte Ulrikem (leia na página 10). É ali que fica o Floien Folkerestaurant, aberto em 1925 e decorado como típico restaurante de montanhas geladas, com lareiras e carpetes. O grande atrativo, claro, é jantar de frente para a cidade, aproveitando a vista panorâmica a 320 metros sobre o nível do mar.

Ali, é difícil escapar de pratos que incluam peixe e batata - não que isso seja algo ruim. Mas quem quiser uma folga dos frutos do mar encontra cozidos tradicionais noruegueses, como carne de rena. Menu desde 425 coroas norueguesas (R$ 158).

XX Lofoten

lofoten-explorer.no

Este restaurante em Svolvaer só atende a grupos - e com reserva. O diferencial é o preparo do prato, feito pelo próprio freguês. Com a supervisão de um chefe e de apenas um garçom, os clientes preparam caranguejo, peixes, saladas e até servem a mesa.

Normalmente, os cozinheiros-fregueses chegam ali depois de uma pescaria em alto-mar, organizada pela agência de mesmo nome. O lugar tem decoração moderna e detalhes de gosto duvidoso: na cozinha, há uma parede repleta de mulheres nuas segurando frutos do mar. Preços começam em 700 coroas norueguesas (R$ 260) por pessoa.

*O repórter viajou a convite do Conselho Norueguês da Pesca. 

Notícias relacionadas

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.