Andrey Rudakov/ Bloomberg
Andrey Rudakov/ Bloomberg

Episódio 12: a arquitetura na Rússia, do sagrado ao profano

Das famosas igrejas aos prédios que refletiam os ideais de grandeza do regime soviético, confira dicas de atrações e curiosidades

Da Redação, O Estado de S. Paulo

25 Maio 2018 | 20h06

A Rússia, o país que respira história a cada esquina, tem muito o que contar nas linhas arquitetônicas de seus prédios, monumentos e cartões-postais que são atrações obrigatórias para quem visita o país-sede do Mundial de 2018. No programa A Rússia Logo Ali desta sexta-feira (25), separamos algumas curiosidades por trás da construção de algumas obras, além de indicar passeios para conferir de perto atrações importantes. 

Como a Catedral de São Basílio (500 rublos ou R$ 28;  saintbasil.ru.) , em Moscou, e seu contorno singular. Obra de Postinik Yakovlev, a mando de Ivan, o Terrível, a igreja foi construída para lembrar a guerra contra os tártaros, ao mesmo tempo que representava a Nova Jerusalém. Reza a lenda que após a finalização da construção, o então Grão-Príncipe mandou cegar o arquiteto responsável pela obra para se certificar que a beleza ímpar da construção não fosse reconstituída em nenhum outro lugar.

Ou a Igreja do Sangue Derramado, em São Petersburgo, com uma fachada rica em detalhes e o interior repleto de mosaicos que recontam passagens bíblicas. A bela construção salta aos olhos de qualquer turista e é apenas uma amostra do o País oferece no campo sacro. Uma opção mais próxima fica na Vila Alpina, em São Paulo. A Igreja Ortodoxa Russa da Santíssima Trindade é o reduto de vários imigrantes do Leste Europeu e, agora, de seus filhos, para praticar a sua fé em terras brasileiras. Aberta para não fiéis, a celebração da missa da Páscoa, uma das datas mais importantes para os russos, é uma das mais belas a ser assistida. 

Do sacro ao profano, atrações como o Hermitage, em São Petersburgo, palco de um dos grandes momentos da Revolução Russa de 1917, ou os Arranha-Céus de Stalin, em Moscou, contam períodos importantes para os russos e refletem ideais que moldaram a história do País — e são ótimas opções para se incluir no roteiro. Confira mais curiosidades do vídeo abaixo e veja mais indicações de passeios. 

Para assistir ao vídeo no seu formato original, siga o perfil do Instagram do Viagem (@viagemestadao). Toda sexta-feira, às 16h, até o dia 15 de junho, tem material novo no ar. E, para conferir os antigos, procure os ícones salvos na área de destaque, abaixo da bio. Confira o material completo também no site do Viagem Estadão

Agradecimentos: Bispo Gregor Petrenko, Acervo Estadão. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.