Lençóis por conta própria: sim, é possível

Envie sua pergunta para viagem.estado@estadao.com

Ricardo Freire, O Estado de S.Paulo

13 Maio 2014 | 02h13

O que encarece os pacotes para os Lençóis Maranhenses é o transporte em jipões 4x4. O jeito de baratear a viagem é aproveitar o transporte dos moradores: caminhonetes Toyota Bandeirante adaptadas com bancos inteiriços, as "Toyotas de linha". Para viajar nesses paus de arara, você precisa de tempo, disposição de encarar os solavancos e pouca bagagem: vá de mochila.

São Luís. Hospede-se no centro histórico (Grand São Luís ou Portas da Amazônia). Tire um dia para fazer o bate-volta a Alcântara.

Santo Amaro do Maranhão. Peça para a sua pousada (Cajueiro ou Água Doce) reservar o transporte de van (R$ 50): desde o seu hotel em São Luís, serão cinco horas de viagem (as últimas duas horas de Toyota). Encravada no parque nacional, Santo Amaro tem lindas lagoas a pouco mais de uma hora de caminhada; contrate um guia (R$ 80). Encaixe-se num passeio às lagoas da Pedra e Emendadas (R$ 300 o jipe). Recomendo o guia Dom Britos (dombritos@hotmail.com).

Barreirinhas. Use a capital informal dos Lençóis para descansar, aproveitar a praia de rio (a pousada Sossego do Cantinho é perfeita para isso) e cacifar o sobrevoo às lagoas (R$ 250).

Atins. No último dia, carregue a bagagem no passeio que desce o Rio Preguiças até Caburé (R$ 65 por pessoa). De Caburé, atravesse para Atins (R$ 50 por travessia). Combine o horário com sua pousada (Rancho do Buna, Cajueiro ou Maresia) para virem apanhar você na praia. Atins também tem lagoas a uma distância caminhável (vá com guia) e passeios de jipe (R$ 250 a R$ 300) a lagoas mais distantes, com parada final para comer o inesquecível camarão da Luzia. Se precisar voltar a Barreirinhas, são duas horas por Toyota (R$ 20).

Delta e Jericoacoara. De Atins, atravesse a Caburé (R$ 50) e contrate com a Pousada do Paulo uma Toyota até Paulino Neves (meia hora pela areia, R$ 150), prosseguindo de van a Tutoia (duas horas pelo asfalto, R$ 10). Saindo de Barreirinhas, são duas horas em Toyota pela areia até Paulino Neves (R$ 20), mais duas horas de van até Tutoia (R$ 10); reserve com o Edson (98-8910-6294). De Tutoia, a Viação Coimbra leva a Parnaíba (três horas, R$ 19). A Expresso Guanabara faz a linha Parnaíba-Camocim (duas horas, R$ 15), a Fretcar continua de Camocim a Jijoca (90 minutos de ônibus pelo asfalto, R$ 11) e de lá a Jericoacoara (uma hora e vinte minutos de jardineira pelas dunas, R$ 12). De Jeri a Fortaleza, também pela Fretcar, são sete horas de viagem, por R$ 48.

Mais conteúdo sobre:
Ricardo Freire

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.