Nas ruas do centro, um convite ao consumo

De lojas de grife a souvenirs descolados, você não sairá de uma caminhada sem uma sacolinha nas mãos

Adriana Moreira, O Estado de S.Paulo

04 Agosto 2009 | 02h32

 CLÁSSICO

Você vai notar quando andar por Viena. Uma bolachinha wafer, envolta em embalagem cor-de-rosa, é vista em toda parte. Seja em lojas próprias ou em supermercados, a Manner está na lista daqueles produtos típicos que você tem de comprar.

 

A marca foi criada em 1890 por Josef Manner, que produzia chocolates. As bolachas surgiram oito anos depois e roubaram a cena. Desde então, mantêm a receita de chocolate com avelãs, trazida de Nápoles, na Itália. Há uma loja bem no centro de Viena, na Stefanplatz. Cada embalagem custa, em média, 0,80 euros (R$ 2).

 

VIENA: Veja também:

linkARQUITETURA: O charme reinventado de Viena

linkMUSEUS: Vocação natural para as artes

linkCOMIDA: Endereços para aguçar o paladar

Se você busca grifes, concentre-se nas imediações da Kohlmarkt, principal rua do centro antigo. Grandes marcas austríacas, como a Don Gil, e as clássicas Prada, Chanel, Dior e Louis Vuitton, estão nos arredores. Isso sem falar de Mango, Zara, H&M... Basta levar o cartão de crédito e fazer a festa.

INOVADOR

A encantadora embalagem cor-de-rosa das bolachinhas Manner virou um divertido porta-moedas na wieWien (www.wiewien.at), inaugurada há pouco mais de um ano. A loja é especializada em souvenirs modernosos, que incluem os principais símbolos da cidade em bolsas, camisetas e buttons. Mas há muitos outros objetos divertidos para levar para casa e dar de presente.

A dona da loja, Veronika Janele, conta que os modelos são criados por 25 designers exclusivos. Diferentemente das lojas turísticas, a wieWien tem visual clean e exibe os produtos em malas antigas, em vez de usar prateleiras. O porta-moedas da Manner custa, em média, 15 euros (R$ 40).

Os chapéus da Müehlbauer Hüte (www.muehlbauer.at) também são boas opções. Os modelos clássicos tiveram o design repaginado. Caso do boné forrado de pele sintética, com estampa de oncinha, e do chapéu xadrez vermelho, com jeitão de quepe. Para garantir o seu é preciso desembolsar pelo menos US$ 50 (R$ 94).

Perto do Naschmarkt estão as lojas de novos designers, de moda e de decoração. Os preços podem ser um pouco mais altos que nas lojas e galerias do divertido Distrito 7 - mais distante do centro -, espécie de Vila Madalena local.

Mais conteúdo sobre:
Viagem Viena Áustria compras

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.