NY: passeios de barco que não pesam no bolso

De agora até o fim de setembro, um programa que não pode faltar em nenhuma viagem a Nova York é um passeio de barco. O que poucos visitantes sabem é que não é preciso pegar um passeio turístico: há barcos de linha que oferecem as mesmas vistas do skyline de Manhattan.

Ricardo Freire, O Estado de S.Paulo

20 Agosto 2013 | 02h11

Staten Island Ferry (grátis). Serve de transporte para os moradores de Staten Island - mas dá para pegar carona para ver a Estátua da Liberdade de perto. Cada perna leva meia hora; aproveite para fotografar Miss Liberty na ida. O terminal em Manhattan fica na boca das estações de metrô South Ferry (linha 1) e Whitehall (linha R) e Bowling Green (linhas 4 e 5).

Governor's Island Ferry (grátis). O percurso não leva nem 10 minutos e revela um cantinho do Financial District. O destino final é uma ilhota onde sempre está acontecendo algo interessante. Neste verão, é a Fête Paradiso, um parquinho de diversões francês vintage, com carrosséis de colecionador. Abre aos sábados e domingos. O ferry sai de um terminal vizinho ao do Staten Island Ferry.

Ikea Shuttle Ferry (grátis no fim de semana). O percurso de 20 minutos até a megastore de móveis Ikea oferece lindas vistas da ponta sul de Manhattan e também da estátua da Liberdade ao longe. Sai do Pier 11, no sul de Manhattan; de metrô, desça na estação Wall-William (linhas 2 e 3).

East River Ferry. Por meros US$ 4 você pode navegar pelo East River, entre o Financial District e Midtown, com direito a passar por baixo de três pontes (Brooklyn, Manhattan e Williamsburg). Para passear no Brooklyn, desça na Brooklyn Bridge ou em Williamsburg (cada reembarque, porém, custará mais US$ 4). Partidas do Pier 11 ou do E 34th St. Pier.

New York Waterway. Esta operadora cruza o Hudson em direção a New Jersey. O melhor trajeto é para Hoboken, terra de Frank Sinatra (e endereço de ótimos bares). Tarte do Pier 11, no East River. Custa US$ 14 ida e volta.

Mais conteúdo sobre:
Ricardo Freire

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.