Ondas azuis, petiscos e um caso de amor

Visitar San Sebastián, na costa norte da Espanha, é se apaixonar. A primeira vista da baía em formato de concha, enfeitada por areia dourada e ondas azul-turquesa, vai fazer com que seus pés flutuem. A combinação de beleza natural com a cozinha local deixará sua cabeça girando. Um museu renovado e uma recém-inaugurada escola de culinária completam o cenário sob medida para fascinar.

INGRID K. WILLIAMSSAN SEBASTIÁN , THE NEW YORK TIMES , O Estado de S.Paulo

20 Setembro 2011 | 06h09

Mas o caso de amor não pode ficar só no lúdico. Em junho, o destino recebeu a nomeação de Capital Europeia da Cultura de 2016. E garantiu que, daqui em diante, exibirá com mais afinco suas melhores qualidades.

Uma boa maneira de começar a explorar a cidade é com um passeio ao longo da avenida à beira-mar, que abraça três praias. Ali, diante da baía, está a bela área de La Concha. Para uma nova perspectiva do local, aposte também no passeio de barco (motorasdelaisla.com; € 3,80) que sai do porto de Isla de Santa Clara. Dependendo da maré, uma ilhota desabitada pode revelar seu pedaço de areia - uma praia fantasma, a quarta de San Sebastián.

Diante de tanto esplendor, você vai querer ver de perto cada uma das paisagens da costa. Para ter um gostinho das melhores panorâmicas e provar parte do Caminho de Santiago, que passa por ali, siga a trilha que começa na Calle Zemoriya, segue por exuberantes florestas e chega a falésias que afundam no mar.

Novo em folha. Como é comum nas cidades europeias, a área mais antiga merece boas horas do seu tempo. Tome a rota cênica para chegar ao Museu San Telmo (santelmomuseoa.com), reaberto em abril. Sua nova fachada resume-se a uma parede cinza cheia de buracos por onde nascem brotos de vegetação. Contraste nítido com o edifício do século 16 que, ao lado, abriga um convento dominicano.

O bairro antigo também é indicado para provar os tradicionais pintxos, ou tapas - petiscos que se resumem a uma única mordida - em estilo basco (leia mais na página 13). A ideia, aqui, é mesclar a experiência gastronômica com uma divertida noitada no bar A Fuego Negro (afuegonegro.com). Não deixe de provar as três colheres geladas de caranguejo-aranha, abacate e alcaçuz. Um estranho, mas delicioso trio.

Mão na massa. Esteja ligado e não perca nenhum detalhe. Afinal, um chef com múltiplas estrelas Michelin pode estar no comando da sala de aula no Basque Culinary Center (bculinary.com), a nova escola de culinária da cidade - cujo conselho é dirigido pelo chef Ferran Adriá.

O novíssimo campus e o curso de graduação estreiam em outubro. Mas os cursos direcionados aos entusiastas gastronômicos (ou seja, qualquer um de nós), já começaram em outros espaços da cidade. Por enquanto, as aulas são em espanhol, mas o centro planeja adicionar cursos em inglês ainda este mês.

Itens modernos e com design inovador têm ganhado espaço nas prateleiras das lojas de San Sebastián. No Kukuxumusu (kukuxumusu.com), coloridos desenhos animados estão estampados em toda parte, das camisetas às caixinhas de enfeite. Na cidade velha, a loja já funcionou como fábrica da marca, que logo se espalhou por toda a Espanha.

Clima semelhante você encontra na Viva la Vida (vivalavidatodalavida.com), aberta no ano passado. A pequena loja vende peças lúdicas, que brincam com a imaginação, como o divertido óculos de sol inspirado em um arco-íris derretido.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.