Os Beatles depois de Hamburgo

Beatlemaníaco que se preze já garantiu a sua foto atravessando a faixa de pedestres na Abbey Road, em Londres, e foi até o Cavern Club, em Liverpool. Mas fã de carteirinha mesmo passou também por Hamburgo. Na cidade alemã, os garotos se tornaram, de fato, os Beatles. Dois anos e quase 300 shows depois, as calças de couro foram deixadas de lado e o topete com gel à Elvis Presley, substituído pelo corte de cabelo em estilo champignon. "Nasci em Liverpool, mas cresci em Hamburgo", disse John Lennon, anos mais tarde.

O Estado de S.Paulo

24 Agosto 2010 | 02h44

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.