Outras rotas amazônicas

Hotéis de selva, cruzeiro e outros destinos na região

Mônica Nobrega, O Estado de S.Paulo

02 Maio 2017 | 05h05

Hotéis de selva: Eles têm fama de caríssimos, mas hoje há opções interessantes em várias faixas de preço. A maioria está no Rio Negro. O charmoso Anavilhanas Jungle Lodge (anavilhanaslodge.com), no gigantesco arquipélago fluvial de mesmo nome, a 180 km de Manaus pela estrada, começa em R$ 2.800 por pessoa, 2 noites. A 60 km de Manaus, o Manati Lodge (manatilodge.com) tem perfil simples de casa de campo e começa em R$ 1.183 por pessoa, 2 noites. Seis anos depois da primeira visita, nosso repórter voltou ao Tariri (taririamazonlodge.com.br; R$ 1.200 por pessoa, 2 noites). Leia relato: estadao.com.br/e/tariri.

Cruzeiro: Com roteiros de 3 noites (sexta a segunda, pelo Rio Solimões; R$ 4.600, duas pessoas), 4 noites (segunda a sexta, pelo Rio Negro; R$ 6.054) ou 7 noites (circuito completo, os dois rios, desde R$ 10 mil) sempre com partida e retorno a Manaus, o navio Iberostar Grand Amazon recebe 150 passageiros e oferece uma Amazônia de bolso, rápida e sem imprevistos, com refeições e passeios incluídos: lancha, caminhada, focagem de jacarés. Site: bit.ly/navioamazonia.

Mais destinos: Especializada em Amazônia, a operadora Turismo Consciente divide seus roteiros em quatro grupos: Belém e Ilha do Marajó, Alter do Chão e Tapajós, Rios do Amazonas e Acre. A próxima saída, de 24 a 30 de junho, é para Belém e Ilha de Cotijuba, e custa R$ 3.990 por pessoa. Site: turismoconsciente.com.br.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.