Outros públicos. Outras propostas

Os turistas GLS e, especialmente, a terceira idade são os novos alvos das empresas do setor. Veja opções

Camila Anauate, O Estado de S.Paulo

17 Junho 2008 | 02h45

Foi-se o tempo em que intercâmbio era sinônimo de high school. O termo ganhou dimensões mais globais e começou a chamar a atenção de públicos bem específicos. Hoje, esse tipo de produto não é voltado somente para jovens estudantes nem significa simplesmente curso de idioma. É vivência internacional, enriquecimento cultural e troca de experiências. Por isso, as empresas do setor inovam a cada ano e lançam programas diferenciados. Quem disse que quem já passou dos 50 anos não pode estudar inglês fora do País? E por que o público GLS não teria à disposição uma escola de inglês gay friendly? Mais: e se alguém quiser passar as férias estudando cinema nos Estados Unidos ou moda em Milão? Basta querer e procurar pelo programa com o seu perfil. O STB, por exemplo, vende cursos específicos para quem quer aprender cinema. O destino? Nova York. A escola? New York Film Academy, do produtor executivo Jerry Sherlock. Até o filho de Steven Spielberg estudou por lá. Os cursos podem ser de verão ou ter duração de até dois anos. Filmagem, roteiro, produção, direção, animação, é só escolher. Nesse ramo de cursos de especialização, com duração variada, opções não faltam. Gastronomia, design e arquitetura, além de cinema, são as áreas mais procuradas. Já para o público da terceira idade o mundo é uma escola. ''A terceira idade descobriu uma nova maneira de fazer turismo'', opina a diretora de Operações da Brazilian Educational & Language Travel Association (Belta), Maura Leão. ''São pessoas que não tiveram a oportunidade de viajar quando jovem, mas hoje querem ter essa experiência.'' Outro público específico que está de olho no intercâmbio é o GLS. ''Temos uma grande procura de executivos, que geralmente estão há algum tempo sem tirar férias'', afirma o gerente de Desenvolvimento de Produtos da GTravel, Vinícius Braune. ''Eles querem unir o útil ao agradável: aproveitar para aperfeiçoar o inglês e fazer turismo.'' A GTravel vende um programa de intercâmbio para a Cidade do Cabo, na África do Sul. ''A escola de lá é gay friendly e permite que casais fiquem no mesmo quarto'', conta Braune. O curso é acompanhado de outras atividades, como esportes radicais e safáris. Confira, abaixo, programas diferenciados para públicos específicos: ESPECIALIZAÇÃO A CI tem curso de design de moda em Milão. São três semanas de aula e acomodação em hotel ou flat por 4.800. A Kangaroo Tours tem curso de gastronomia em Sydney, na renomada Le Cordon Bleu. São dez semanas por 7.500 dólares australianos. A Pressto vende curso de cinema, de oito semanas, na Met Film School, em Londres. Por 5 mil libras. A SIP tem curso de decoração e de shop design no Instituto Europeu de Design, em Milão. Três semanas de aulas e acomodação em residência estudantil saem por 2.950. O STB vende curso de acting ou film making na New York Film Academy. Quatro semanas custam US$ 3.500. TERCEIRA IDADE Na BEX, duas semanas de espanhol e atividades culturais na Espanha por 460. A CI tem curso de inglês em Bournemouth (Inglaterra) por US$ 1.558. Inclui duas semanas de aula, acomodação em casa de família, meia pensão e atividades culturais. Na Connection Line, duas semanas de inglês em Malta por 1.050. Inclui acomodação em casa de família e meia pensão. A Experimento tem programa na Nova Zelândia. São quatro semanas de inglês e atividades culturais por US$ 480. A Intercâmbio & Cia tem curso de italiano em Roma por 945 por semana. Inclui acomodação em flat. A Pressto tem programa em Siena, com aulas de italiano e atividades culturais. São duas semanas por 860. GLS O programa da GTravel inclui duas semanas de inglês na Cidade do Cabo, acomodação em residência estudantil e café da manhã, além de duas noites de safári no Kruger Park com meia pensão. Por US$ 1.580 por pessoa em quarto duplo.

Mais conteúdo sobre:
intercâmbio cursos especialização

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.